Participamos do

Hospital Leonardo da Vinci está capacitado para possível 3° onda da Covid-19, diz diretor

Informações foram dadas pelo diretor geral da instituição, Emídio Teixeira, em entrevista a Rádio O POVO CBN, nesta quinta-feira, 12
20:08 | Ago. 12, 2021
Autor Gabriela Almeida
Foto do autor
Gabriela Almeida Repórter O POVO
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Hospital Leonardo da Vinci (HELV), equipamento referência no tratamento de pessoas com Covid-19 no Ceará, está capacitado para voltar o atendimento com exclusividade ao tratamento da doença caso exista uma terceira onda pandêmica no Estado. Informações foram dadas pelo diretor geral da instituição, Emídio Teixeira, em entrevista a Rádio O POVO CBN, nesta quinta-feira, 12.

A possibilidade de uma terceira onda da patologia foi levantada durante entrevista devido a entrada da variante Delta do coronavírus no Ceará, que ocorreu no fim de julho deste ano. Em menos de um mês da chegada da cepa, que é mais contagiosa que a original, o Estado já registra um caso de infecção por transmissão comunitária - o que significa que o vírus já circula de forma local. São 16 casos ao todo.

Emídio Teixeira, responsável pela direção da entidade, garantiu na ocasião que, caso exista um novo aumento dos casos da patologia, o hospital tem condições de voltar a direcionar o atendimento de forma exclusiva para os pacientes com a doença. "Havendo a necessidade do hospital, ele tem prontidão para transformar novamente na necessidade do atendimento do Covid", destacou o gestor.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A instituição, que foi aderida pelo Governo do Estado no inicio da pandemia, atendia inicialmente apenas casos da doença pandêmica concentrando esforços estaduais na luta contra a patologia. Em julho deste ano, com a melhora dos índices da doença, o hospital voltou a realizar os procedimentos de cirurgia eletiva, que estavam paralisados deste outubro de 2020. Mais de 500 procedimentos já foram realizados até então.

LEIA MAIS | Fortaleza agenda nascidos até março de 2001 para vacinação contra Covid-19

Prefeitura de Caucaia interdita barraca Chico do Caranguejo Cumbuco

Caso a Delta se dissemine pelo Estado e aumente significativamente o número de casos da doença, resultando em uma terceira onda, a instituição está preparada para tornar o atendimento exclusivo a Covid-19 novamente. "Temos toda capacidade de voltar o atendimento mais exclusivo para a Covid, tanto na parte de equipamentos, respiradores, como acionar a equipe de profissionais", garantiu Emídio.

Momento é de cuidado

O diretor informou ainda que o hospital tem atualmente 80 leitos exclusivos pra a Covid-19. Desses, 50 são de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e 30 são de enfermaria. O índice de ocupação desses equipamentos, desde o fim de junho deste ano, tem se mantido com médias de 60% a 65% na UTI e de 50% na enfermaria, conforme informou Emílio, destacando a queda na curva pandêmica.

"A curva realmente deu uma queda grande. Nós estamos com esses leitos disponíveis para toda a rede central, para as emergências. Não só aqui em Fortaleza, mas em todo Estado a gente deixa os leitos disponíveis para a necessidade de internação de pacientes que tenham sido acometidos com Covid", destacou o gestor. "A ocupação tá baixa, isso é um bom sinal. É um reflexo, mas a gente precisa de bastante cuidado nesse momento que surge a variação Delta, ainda com a não vacinação de 100% da população".

O POVO procurou a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) para saber se a pasta já considera possível existir uma terceira onda da doença. Também questionou se o Estado, caso cenário realmente ocorra, vai voltar a concentrar os esforços no HELV. Por meio de ligação, a assessoria informou que os hospitais de campanha no Estado, montados para atender pacientes com Covid-19, nunca foram fechados e que não há  planejamento para que sejam. O órgão, no entanto, não falou sobre a possibilidade da terceira onda. 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags