PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Fila extensa provoca aglomeração em ponto de vacinação em Fortaleza

A SMS explicou em nota que "esquematiza os agendamentos distribuindo em blocos de hora ao longo do dia, em vários centros de vacinação, para descentralizar o atendimento"

Catalina Leite
19:11 | 25/04/2021
Rafael e a tia, Maria do Socorro, de 69 anos, passaram aproximadamente 50 minutos esperando na fila da policlínica. O professor calcula que, entre idosos e acompanhantes, aguardavam no local cerca de 300 pessoas. (Foto: Rafael Farias/Especial para O POVO)
Rafael e a tia, Maria do Socorro, de 69 anos, passaram aproximadamente 50 minutos esperando na fila da policlínica. O professor calcula que, entre idosos e acompanhantes, aguardavam no local cerca de 300 pessoas. (Foto: Rafael Farias/Especial para O POVO)

A Policlínica Dr. José Eloy da Costa Filho, localizada no bairro Bonsucesso, em Fortaleza, registrou uma fila longa entre idosos e acompanhantes para a vacinação contra a Covid-19, na tarde de sábado, 24. Com tempo nublado e possibilidade de chuvas, as cerca de 300 pessoas - de acordo com o professor Rafael Farias, 38, presente no local - já estavam se aglomerando nas muitas curvas da fila fora do posto.

Rafael chegou à policlínica por volta das 15h30min, acompanhando a tia Maria do Socorro, 69, para a segunda dose da vacina. Lá, depararam-se com vários idosos aguardando do lado de fora da unidade de saúde, todos em pé. Segundo o professor, não havia nenhum funcionário zelando pelo distanciamento entre as pessoas, apenas um homem na porta, contando aqueles que entravam.

Veja imagens da aglomeração:
Clique na imagem para abrir a galeria

Após aguardar entre 40 e 50 minutos, Maria do Socorro (que tem artrose e sentiu dificuldade de ficar em pé por tanto tempo) conseguiu receber a última dose da vacina para concluir o esquema de imunização. Mas, nesse meio tempo, muitos idosos na frente e atrás de Rafael desistiram de aguardar. Dentro da policlínica, reforça o professor, o ambiente era fechado e funcionava com ar-condicionado, piorando o cenário de aglomeração.

Em nota, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), responsável pela campanha de vacinação em Fortaleza, explicou que "esquematiza os agendamentos distribuindo em blocos de hora ao longo do dia, em vários centros de vacinação, para descentralizar o atendimento". O objetivo, ressaltam, é garantir a organização e segurança de todos. "Por isso, a SMS reforça a importância de que os idosos compareçam ao seu local de vacinação apenas no seu horário agendado e levando somente um acompanhante", completa a pasta.

Colaborou a repórter Gabriela Custódio.