PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Rede Unimed registra queda em internações, primeira vez em semanas

Para o presidente da cooperativa, Elias Leite, ainda é cedo para afirmar que Fortaleza já passou pelo pico da segunda onda

20:21 | 09/03/2021
Presidente da Unimed Fortaleza, Elias Leite, é responsável por boletim epidemiológico diário (Foto: Reprodução/WhatsApp O POVO)
Presidente da Unimed Fortaleza, Elias Leite, é responsável por boletim epidemiológico diário (Foto: Reprodução/WhatsApp O POVO)

O Sistema Unimed Fortaleza registrou nesta terça-feira, 9, uma diminuição no número de pacientes internados com Covid-19, após semanas de aumento consecutivo. O índice caiu de 704 para 684 hoje, com 20 internações a menos. Há 154 pacientes em uso de respiradores, dois a menos que ontem, 8. Apesar disso, o número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ocupados cresceu de 234 para 240, seis pacientes a mais.

Até meia-noite de ontem, o Hospital Regional da Unimed (HRU) teve 298 atendimentos com suspeita de Covid-19, um número que, segundo Elias Leite, presidente da cooperativa, significa esperança, apesar de ainda alto. Desde 8 de fevereiro, a unidade não teve uma segunda-feira com menos de 300 atendimentos.

Apenas no HRU, 78 pessoas estão atualmente internadas com a doença. Entre meio-dia de ontem e meio-dia de hoje, a unidade registrou 28 internações e 24 altas. No total, soma 2.360 altas, número que sobe para 3.816 quando considerada toda a rede Unimed.

“Não sei se chegamos ao pico, não sei o que vai acontecer, não sei como vai ser o dia de amanhã, mas, pessoal, nós temos sim que comemorar essa redução de ontem para hoje. Nós temos o direito de fortalecer a nossa esperança”, disse Leite, enquanto anunciou o balanço diário do Sistema Unimed.