PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Covid-19: Novas medidas entram em vigor no Ceará nesta quinta, 18

Apenas as decisões relacionadas à educação começam a valer na sexta, 19

22:10 | 17/02/2021
Barreira sanitária deve ser mantida durante o tempo em que vigora o novo decreto (Foto: JÚLIO CAESAR)
Barreira sanitária deve ser mantida durante o tempo em que vigora o novo decreto (Foto: JÚLIO CAESAR)

O governador Camilo Santana anunciou nesta quarta-feira, 17, novas medidas de segurança para o combate ao coronavírus no Ceará, que começam a vigorar a partir desta quinta-feira, 18, e seguem até o dia 28 de fevereiro. Porém, as escolas públicas e privadas, que terão funcionamento presencial suspenso, só aderem ao decreto na sexta-feira, 19.

LEIA MAIS | Covid-19: mortes passam de 242 mil e casos somam quase de 10 milhões

Além das escolas e do toque de recolher entre 22 h e 5 horas, o novo decreto continua algumas decisões do anterior, como o bloqueio do funcionamento de estabelecimentos não-essenciais após as 20 horas. Depois desse horário, apenas serviços fundamentais, como hospitais e farmácias, podem continuar ativos. Nos fins de semana, restaurantes só podem funcionar até 15h, enquanto todo o comércio, incluindo shoppings, funciona até 17h.

As barreiras sanitárias de Fortaleza, instaladas para o período do Carnaval, continuam na ativa. Municípios do Interior também serão orientados a instalar barreiras, para controlar a circulação intermunicipal no Ceará. O trabalho de servidores públicos municipais e estaduais será remoto, com exceção de atividades essenciais. O governo conversa, ainda, com a esfera federal para que a medida também seja estendida para os servidores deste âmbito. O Governo recomenda também que o trabalho remoto seja adotado por empresa privadas.