PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Fortaleza avança à 4ª fase da retomada a partir de segunda e terá restaurantes funcionando até 23h

Com exceção de bares, academias, aulas presenciais, espetáculos e cinemas, estão liberadas os restantes das atividades na Capital

Matheus Facundo
17:42 | 17/07/2020
FORTALEZA, CE, 11-07-2020: Movimentação do retorno de funcionamento dos restaurantes  (Foto: Barbara Moira)
FORTALEZA, CE, 11-07-2020: Movimentação do retorno de funcionamento dos restaurantes (Foto: Barbara Moira)

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT) e o prefeito Roberto Cláudio (PDT) confirmaram, nesta sexta-feira, 17, o avanço de Fortaleza para a fase 4 do plano de retomada da economia, a partir da próxima segunda-feira, 20 de julho. Com exceção de bares, academias, aulas presenciais, espetáculos e cinemas, o restante das atividades na Capital está liberado, como o funcionamento de restaurantes até às 23 horas. O decreto de isolamento social foi renovado por mais sete dias.

Ainda em alerta, a macrorregião de saúde do Cariri vai continuar na fase de transição, com exceção de Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha, Iguatu e Brejo Santo, que seguirão por mais sete dias em lockdown, por serem municípios foco de preocupação quanto aos números de coronavírus. Já a macrorregião Norte, que continuou apresentando melhoras nos indicadores, avança para 1ª fase.

A macrorregião de Fortaleza, que engloba também a Região Metropolitana, passa para a fase 3. Litoral Leste, Jaguaribe e Sertão Central permanecerão na fase 1, por questão de precaução. De acordo com Camilo Santana, a região apresentou "um leve aumento" nos números da pandemia.

Atividades de fora da fase 4 na Capital

Na Capital, que chega na última fase da reabertura, onde a maioria dos setores já estará liberado, serão realizadas reuniões do Comitê de Saúde na próxima semana, para decidir o futuro das atividades que ficaram de fora da 4ª fase, como academias, aulas presenciais, bares, shows, espetáculos e cinemas.

LEIA MAIS| Retirada de academias, bares e escolas da 4ª fase da retomada foi para impedir retrocesso, diz Camilo

"Cinco atividades ficaram de fora por precaução para que se pudesse fazer estudos dos impactos e da forma de abertura. A partir de segunda-feira vamos retomar o diálogo das autoridades sanitárias diretamente com os representantes dessas atividades para que tão logo se tenha segurança e clareza, a gente já possa sinalizar a partir da próxima semana um processo de retomada, faseamento e discussão de protocolos", pontua o prefeito Roberto Cláudio.

O chefe do Executivo Municipal pontou que todas as decisões são tomadas com base em normas sanitárias da equipe de especialistas da Saúde e declara que Fortaleza entrará na sua nona semana de reabertura com com uma tendência de queda de óbitos ainda estável.