PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Retirada de academias, bares e escolas da 4ª fase da retomada foi para impedir retrocesso, diz Camilo

De acordo com o governador, avaliação do Comitê Científico é de que a volta destas atividade poderia implicar no aumento dos indicadores da Covid-19, por cauda das aglomerações que seriam geradas.

Matheus Facundo
19:44 | 15/07/2020
 Camilo repercutiu decisão durante live na noite desta quarta-feira, 15 (Foto: Reprodução)
Camilo repercutiu decisão durante live na noite desta quarta-feira, 15 (Foto: Reprodução)

O governador Camilo Santana (PT) apontou, durante live na noite desta quarta-feira, 15, que a decisão de retirar o retorno de escolas, bares e academias da 4ª fase do plano de retomada da economia em Fortaleza foi para impedir possível retrocesso na reabertura. De acordo com o chefe do Executivo Estadual, avaliação do Comitê Científico é de que a volta destas atividades poderiam implicar no aumento dos indicadores da Covid-19, devido às aglomerações que seriam geradas.

"A 4ª fase era praticamente para liberar todo o restante, ou seja, voltar à normalidade, o que é preocupante para o comitê. Veja o que aconteceu no mundo e em estados do Brasil que abriram e tiveram de fechar de novo. Não queremos que isso ocorra aqui na Capital e no Ceará, então, por medida de prevenção, algumas atividades não estarão contempladas nessa fase", ponderou Camilo em transmissão ao vivo.

LEIA MAIS| Plano de Retomada: sindicato critica decisão de não autorizar reabertura das academias em Fortaleza

O governador comentou que a reação negativa dos segmentos afetados é "legítima", mas frisa que a decisão foi tomada com "responsabilidade e muito critério", com o objetivo de possibilitar um retorno "sustentável e sem retrocessos". Cinemas, shows e espetáculos também não serão contemplados na fase 4, segundo Camilo.

Camilo afirmou que serão realizadas reuniões com estes setores deixados de fora da próxima etapa, que ainda será confirmada para a Capital até o fim desta semana, para definir protocolos e determinações de quando as atividades poderão retornar. Foi anunciada também pelo governador a chegada de novo carregamento com Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) até o fim desta semana, para continuar o reforço no combate à pandemia.

Pacote de aceleração da retomada

Durante a live, o governador declarou ainda que, no próximo mês, ser lançado um pacote de investimentos para acelerar a retomada econômica no Ceará. "Em breve, agora no mês de agosto, vamos anunciar um grande pacote de novos investimentos que o estado vai fazer pra acelerar a retomada da economia e dos empregos no Estado do Ceará".

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >