PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

Camilo: isolamento social subiu a 54% no Ceará e 60% em Fortaleza após decreto mais rígido

As estimativas foram divulgadas pelo governador do Estado em pronunciamento pelas redes sociais nesta segunda-feira, 11

Alan Magno
20:21 | 11/05/2020
Segundo Camilo, casos de aglomeração no Ceará têm caído desde o aumento da rigidez do decreto de isolamento social
Segundo Camilo, casos de aglomeração no Ceará têm caído desde o aumento da rigidez do decreto de isolamento social (Foto: Fabio Lima)

O atual percentual de isolamento social da população do Ceará gira está em torno de 54%, segundo o governador do Estado, Camilo Santana (PT). O percentual foi divulgado pelo chefe do Executivo estadual em pronunciamento pelas redes sociais nesta segunda-feira, 11 e diz respeito a situação registrada no último domingo, 10. Ele destacou ainda que em Fortaleza, epicentro da epidemia de coronavírus no Estado, a cifra média registrada ontem chegou a 60%.

Os níveis são medidos por uma série de indicadores de diferentes órgãos e instituições e servem como pontos norteadores das ações a serem tomadas pelas gestões estaduais e municipais visando “preservar vidas”, comentou o governador. Ele destacou os indicativos frutos do monitoramento via câmeras de trânsito e de monitoramento policial de Fortaleza e a medição do fluxo de veículos feito pelo Departamento de Trânsito do Ceará (Detran).

No domingo, 10, os bairros Vila Pery, Bom Jardim, Paupina, Carlito Pamplona, Parque Dois Irmãos, Mucuripe registraram os menores índices de isolamento da Capital, sequer atingindo 50% de acordo com levantamento da Prefeitura de Fortaleza.

Segundo Camilo, desde o início das medidas mais rígidas de distanciamento na Capital, na última sexta-feira, 8, as taxas de isolamento no Estado têm apresentado aumento gradual, mas os níveis ainda estão abaixo da média desejável pelo Estado de 70% e com uma diferença muito grande a depender da região da Cidade. A cifra é recomendada por órgãos internacionais, como a Organização Mundial da Saúde (OMS), para evitar o crescimento do ritmo de infecção da população por Covid-19.

Redução de fluxo de veículos

Camilo mencionou ainda a redução no fluxo de veículos em três das principais vias do Ceará. De acordo com o Detran, no domingo, 10, as avenidas Washington Soares, Carlos Jereissati e José Américo apresentaram uma redução no fluxo médio de veículos registrado de 77%, 71% e 70%, respectivamente. Todas as vias apresentaram um aumento de mais de 10% na redução do fluxo com relação aos dados do primeiro dia das medidas mais rígidas de isolamento.

Tráfego de veículos também sofreu redução considerável
Tráfego de veículos também sofreu redução considerável (Foto: Divulgação / Gov.CE)

O governante defendeu o isolamento como a única forma eficaz de se combater a pandemia de coronavírus e refez apelo pela colaboração da sociedade. “A importância desse isolamento é justamente garantir que o sistema público de saúde possa atender a quem precisa”, destacou.

>> Coronavírus no Ceará: Camilo anuncia inauguração de 11 UTIs e 37 leitos de enfermaria

Até as 18 horas de hoje, 11 de maio, o Ceará acumulava 17.599 casos confirmados de Covid-19 e 1.189 mortes em decorrência da nova doença. Sendo 907 casos e 75 mortes a mais que o registrado no domingo. A taxa de letalidade no Estado atingiu 6,8%. No Ceará, 8.655 pessoas se curaram após serem infectadas pelo coronavírus e 31.112 casos ainda estão em investigação. 


Acesse a cobertura completa do Coronavírus >