PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Secretário da Saúde do Ceará reconhece isolamento rígido em Fortaleza como "lockdown"

A partir desta sexta-feira, 8, em Fortaleza, só será permitido sair de casa em situações de extrema necessidade

Matheus Facundo
18:45 | 07/05/2020
FORTALEZA-CE, BRASIL, 01-05-2020: Secretário de Saúde do Estado do Ceará, Dr. Cabeto. Coletiva de imprensa do governador Camilo Santana com a presença do prefeito Roberto Cláudio, do secretário de Saúde do estado, Dr. Cabeto e a da secretária de saúde do município, Joana angéli ca Paiva Maciel no palácio da Abolição. ( Foto: Júlio Caesar / O Povo) (Foto: JÚLIO CAESAR)
FORTALEZA-CE, BRASIL, 01-05-2020: Secretário de Saúde do Estado do Ceará, Dr. Cabeto. Coletiva de imprensa do governador Camilo Santana com a presença do prefeito Roberto Cláudio, do secretário de Saúde do estado, Dr. Cabeto e a da secretária de saúde do município, Joana angéli ca Paiva Maciel no palácio da Abolição. ( Foto: Júlio Caesar / O Povo) (Foto: JÚLIO CAESAR)

Durante coletiva na manhã desta quinta-feira, 7, o secretário da Saúde do Ceará, Dr. Cabeto, classificou o isolamento social mais rígido que começa em Fortaleza amanhã, sexta-feira (08/05), como "lockdown", denominação em inglês para bloqueio total durante a pandemia. É a primeira vez que uma autoridade do Estado reconhece a medida por este nome.

"Eu acho que é ressaltar o que tem mais de importante, que o Estado e o município saíram para uma proposta de distanciamento social rígida e entenda-se lockdown na cidade de Fortaleza. Essa que é a visão", pontuou o titular da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa).

Determinações mais duras de distanciamento social irão vigorar na Capital, por meio do Decreto Estadual nº 33.574, publicado nessa terça-feira, 5, devido à crescente curva de contaminação pelo novo coronavírus e o esgotamento do sistema de saúde público. Até a noite dessa quarta-feira, 6, 97% dos leitos de UTI em Fortaleza se encontrava ocupada.

O Ceará ultrapassou os 903 óbitos em decorrência da Covid-19, em registro atualizado pela plataforma IntegraSUS nesta quinta-feira, 7, às 18h11min. São 13.888 casos confirmados, sendo 9.669 somente em Fortaleza.

LEIA MAIS: Pode ou não pode? Tire dúvidas sobre as novas medidas rígidas de isolamento social em Fortaleza

A partir desta sexta-feira, 8, só será permitido sair de casa em situações de extrema necessidade como buscar atendimento em unidade de saúde, ir ao supermercado, à farmácia, se deslocar para seu local de trabalho, incluído na lista de serviços essenciais permitidos pelo decreto estadual, além de outras atividades. Será necessário comprovar com documentações ou declarações a saída. Entrada e saída dos limites de Fortaleza também serão controladas.

Novos respiradores

Duzentos novos respiradores são esperados no Ceará até o fim da semana que vem, como afirmou o secretário da Saúde do Ceará, Dr. Cabeto, em coletiva realizada na manhã desta quinta-feira, 7. Segundo ele, 100 aparelhos já estão no aeroporto de Pequim esperando liberação para que haja o traslado. Até o começo de junho, são previstos mais 300. Entretanto, segundo ele, o sistema de leitos está saturado e trabalha com o remanejo e conserto de aparelhos.

 

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >