Participamos do

Com "O Cangaceiro do Futuro", Netflix anuncia "novos sotaques" para 2022

Em evento para a imprensa, plataforma de streaming adiantou detalhes de novos projetos e de sequências. Aposta é na descentralização geográfica e cultural nas narrativas
17:43 | Abr. 13, 2022
Autor João Gabriel Tréz
Foto do autor
João Gabriel Tréz Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Ceará, Pará, Goiás: são esses alguns dos estados que acolheram as novas produções brasileiras da Netflix. Na manhã desta quarta, 13, a plataforma reuniu a imprensa em evento on-line para apresentar imagens inéditas de diversas séries e filmes, entre sequências e novidades. Um dos destaques é a comédia cearense “O Cangaceiro do Futuro”, criada pelo realizador Halder Gomes e protagonizada por Edmilson Filho. No total, 14 produções foram anunciadas.

O evento fechado, para o qual o O POVO foi convidado, teve comando da atriz Sheron Menezzes, que participa de duas novas obras: o filme de ação “Carga Máxima”, com Thiago Martins como um piloto esportivo de caminhão que se envolve com roubo de carga em Curitiba, e a série “Maldivas”, que mistura comédia a partir dos segredos de um condomínio de luxo no Rio de Janeiro.

Manu Gavassi e Natalia Klein como as personagens Milene e Veronica, da série "Maldivas", da Netflix
Manu Gavassi e Natalia Klein como as personagens Milene e Veronica, da série "Maldivas", da Netflix (Foto: Rachel Tanugi/NETFLIX)

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

“Maldivas” foi primeiramente anunciada ainda no final de 2020, contando com Bruna Marquezine e Manu Gavassi no elenco. Compõem a trama, ainda, além de Sheron Menezzes, Carol Castro, Vanessa Gerbelli e a também roteirista Natalia Klein.

“O Cangaceiro do Futuro” teve o primeiro anúncio oficial lançado em fevereiro de 2022. Misturando comédia e ficção científica, a série acompanha um cearense que mora em São Paulo em busca de uma vida melhor, mas enfrentando diversas “presepadas”. Em uma delas, acaba viajando no tempo e espaço até o sertão cearense em 1927, no auge do reinado de Lampião.

Halder, criador e diretor da série, dividiu no evento que a cidade da série será a fictícia Catingueira, que teve locação em Quixadá. “Conheço a sua beleza, a sua paleta de cores ao longo do ano, quando ela vai do extremo verde ao cinza do seco”, ressaltou o artista.

Ele destacou, ainda, a participação de pessoas da região na produção. “Nossa base foi no distrito de Juatama, onde profissionais estagiários foram selecionados, pessoas que nunca tiveram oportunidade de trabalhar com audiovisual tiveram essa chance e mostraram muita capacidade”, celebrou.

Um ponto abordado pelo diretor foi a presença dos diferentes sotaques nordestinos na obra, que conta com nomes no elenco como Haroldo Guimarães, Max Petterson, Valéria Vitoriano, Solange Teixeira e Carri Costa. Outros sotaques do País poderão ser ouvidos, também, em outras produções anunciadas.

A série “Só Se For Por Amor”, por exemplo, traz o universo da região Centro-Oeste do País, focando no mundo da música sertaneja e trazendo no elenco nomes como do goianiense Filipe Bragança. Na produção, haverá ainda presença de artistas do Nordeste, como a protagonista Lucy Alves, paraibana, e Agnes Nunes, nascida na Bahia e criada na Paraíba.

Já as séries conhecidas seguem apostando em presenças de todo o País nas novas temporadas. Na segunda temporada de “Irmandade”, a pernambucana Hermila Guedes segue no elenco como a complexa Darlene. “Uso o sotaque lá de Pernambuco, colabora com os projetos com minha raiz”, celebrou.

“Cidade Invisível”, por sua vez, focada nas lendas e mitos do Brasil, desloca a trama do Rio de Janeiro para o Pará, trazendo a cineasta Graciela Guarani como diretora-assistente da produção. Também será a região Norte onde a sequência do filme “Ricos de Amor”, com Giovana Lancelotti, terá gravações ainda em 2022.

Finalmente, a Netflix anunciou uma série de comédia sobre o mundo digital, ainda sem título confirmado, que será protagonizada pela influenciadora digital pernambucana Ademara Barros. Na trama, ela será irmã da atriz Mel Maia.

A Netflix também mostrou surpresas sobre a sequência da série “Bom Dia, Verônica”, além de ter anunciado as produções “Olhar Indiscreto”, série de suspense com Débora Nascimento e Emanuelle Araújo; os longas românticos “Depois do Universo”, com Giulia Be e Henry Zaga, e “Casamento à Distância”, com Dandara Mariana e Dan Ferreira; um documentário sobre os Racionais MC's dirigido por Juliana Vicente; e o especial de comédia “Cheguei!”, com o humorista Rodrigo Sant’anna.

Podcast Vida&Arte
O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker. Confira o podcast clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar
1