O POVO News: Lula diz que "monstros" sairão de meninas estupradas e oposição critica

Também é tema da edição a turma do STF aceitar denúnica contra acusados de mandar matar Marielle

O programa O POVO News realiza mais uma edição nesta terça-feira, 18. Com apresentação do jornalista Ítalo Coriolano, o episódio repercute declaração do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Ele questionou que “monstro” sairá do ventre de meninas estupradas.

“Por que uma menina é obrigada a ter um filho de um cara que estuprou ela? Que monstro vai sair do ventre dessa menina? Então essa discussão é mais madura. Não é banal como se faz hoje”, disse o presidente em entrevista à rádio CBN.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Assista ao vivo:

Outro assunto tratado no encontro é o de que a Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) tornou os irmãos Brazão réus por encomendarem a morte da vereadora Marielle Franco (Psol-RJ) e do motorista Anderson Gomes. Em votação unânime, a decisão acatou a denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

O POVO News também destaca o caso do homem acusado de matar um idoso com "voadora". Uma câmera de monitoramento registrou o suspeito Tiago Gomes de Souza no momento em que agrediu o Cesar Fine Torresi na frente do neto, em Santos (SP). Obtido pelo g1, o vídeo é a primeira imagem que a Polícia Civil recebeu do caso, que contou com uma reconstituição do crime para auxiliar a investigação.

Reuniões da Polícia Militar na Igreja Universal do Reino de Deus também é tema desta edição. O PM Marco Aurélio Bellorio, 43, entrou com um processo na Justiça alegando ter sido obrigado a participar de reuniões da corporação em um templo da Universal. Ele, que é católico, argumenta que a obrigatoriedade fere a liberdade de crença e que a medida configura abuso de poder.

Bellorio relata que, por não ter comparecido a uma das reuniões, passou a ser alvo de um procedimento administrativo. Ele pediu que o Estado seja condenado a lhe pagar uma indenização por danos morais. O governo paulista, por sua vez, respondeu no processo que as reuniões na Igreja Universal não são de caráter religioso, mas relativas a assuntos militares.

O episódio terá análises de jornalistas da casa e especialistas para discutir os assuntos da política brasileira. Participam o correspondente do O POVO em Brasília, João Paulo Biage; e o colunista Plínio Bortolotti, também do O POVO.

Serviço

O POVO News

Quando: Segunda a sexta, às 18 horas

Onde: Youtube, Linkedin, Facebook e TikTok do O POVO

Quer receber por WhatsApp as últimas notícias da política no Ceará e no Brasil? Acesse este link e entre no canal do O POVO sobre política

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Lula STF

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar