Participamos do

Primeiros casos da variante Ômicron detectados no Iraque

Em Dohuk, a família infectada foi isolada "para evitar novas infecções"
10:55 | Jan. 06, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

O Iraque anunciou nesta quinta-feira, 6, a detecção dos primeiros casos da Ômicron, variante altamente contagiosa do coronavírus, levantando temores de uma "nova onda" em um país onde a vacinação da população é baixa e as medidas preventivas amplamente ignoradas.

Cinco casos de ômicron foram detectados em uma família que retornava de uma viagem à província de Dohuk, na região autônoma do Curdistão (norte), e "vários" outros em "diplomatas estrangeiros em Bagdá", informou o Ministério da Saúde iraquiano, sem especificar seu número ou nacionalidade.

Em Dohuk, a família infectada foi isolada "para evitar novas infecções", disse Saman Barzanji, ministro da Saúde do Curdistão iraquiano, em uma entrevista coletiva.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O ministro da Saúde do Iraque, Hani al Aqabi, disse na quarta-feira que "uma nova onda do vírus" constituiria um "desafio" para o sistema de saúde do país.

O número de infecções por coronavírus permaneceu relativamente estável no Iraque nos últimos meses, variando de 300 a 500 novos casos e menos de dez mortes por dia.

Mais de dois milhões de iraquianos testaram positivo para covid-19 e mais de 24.000 morreram desde o início da pandemia, segundo dados oficiais.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags