Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Apenas 17,7% das crianças de Fortaleza foram imunizadas contra a influenza em 2022

Também em período de campanha nacional, a vacinação contra o sarampo em Fortaleza não atingiu as metas esperadas para crianças de seis meses a cinco anos.

De aproximadamente 151 mil crianças aptas para receber a vacina da influenza durante a campanha de imunização de 2022, apenas 26.787 foram levadas aos postos de Fortaleza para se proteger contra a gripe. O número equivale a 17,7% do público residente na Capital. Durante o primeiro mês da campanha, em abril, 18.593 crianças de seis meses a menores de cinco anos foram imunizadas. No dia D de vacinação, no sábado, 30 de abril, mais 8.193 doses foram aplicadas no grupo.

O público infantil, segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), foi o que mais procurou o imunobiológico no dia D de vacinação. Ao todo, 17.029 doses da vacina contra a influenza foram aplicadas no último sábado de abril. Somando idosos, profissionais da saúde e crianças, 113.081 residentes de Fortaleza foram imunizados contra a gripe em 2022. O número corresponde a 12,6% da meta da primeira fase.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Desde a segunda-feira, 2, na segunda fase, a campanha agora procura imunizar outros grupos prioritários, como gestantes e puérperas, professores, povos indígenas, pessoas com deficiência, entre outros. Apesar da mudança de foco, as pessoas do primeiro grupo que ainda não se vacinaram ainda podem se dirigir aos postos de saúde para atualizar o cartão de vacinação.

A meta geral da campanha contra a influenza é imunizar 90% de todos que fazem parte das prioridades. Em 2021, o Ceará não bateu a meta. De acordo com a Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), foram recebidas 3.267.990 doses contra o vírus e apenas 2.631.962 (76,28%) foram administradas.

Lista de grupos prioritários da 2ª fase da campanha contra a influenza

Gestantes
Puérperas
Professores
Portadores de comorbidades
Pessoas com deficiência permanente
Povos indígenas
Caminhoneiros
Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário urbano e de longo curso
Trabalhadores portuários
Forças de segurança e salvamento
Forças armadas
Funcionários do sistema de privação de liberdade
População privada de liberdade e adolescentes e jovens em medidas socioeducativas

Sarampo

Também em período de campanha nacional, a vacinação contra o sarampo em Fortaleza não atingiu as metas esperadas para crianças de seis meses a cinco anos. Do início da campanha até o dia 30 de abril, 28.484 crianças foram imunizadas. Só no dia D de vacinação, 8.190 doses foram aplicadas no público infantil.

Mesmo assim, a imunização só atinge 18% do total do público de cerca de 151 mil crianças dentro da faixa etária apta para receber a vacina. A baixa cobertura vacinal preocupa devido ao recrudescimento de casos de sarampo, com seis casos suspeitos notificados em 2022 no Ceará. A meta de 95% das crianças vacinadas não foi atingida em 2021 e 2020.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar