Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Região oeste de Fortaleza recebe primeira etapa do Parque Rachel de Queiroz

O equipamento se distribui por 14 bairros. O trecho entregue beneficia principalmente os bairros Presidente Kennedy e Antônio Bezerra

Segundo maior parque de Fortaleza, com 10 km de extensão, o Parque Rachel de Queiroz teve a primeira etapa, no bairro Presidente Kennedy, entregue nessa terça-feira, 15, após requalificação. A previsão é de que os outros trechos que compõem o parque sejam entregues até o final da gestão atual, em 2024. O equipamento beneficia 14 bairros da região oeste da Capital. 

A requalificação do Parque Rachel de Queiroz compõe o programa Juntos por Fortaleza, parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado. A obra entregue corresponde aos trechos 1, 2, 5 e 6 do projeto.

Luciana Lobo, titular da Secretaria Municipal do Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), frisa que o espaço anteriormente era de degradação ambiental. "Conseguimos entregar um espaço que faz uma mistura de recuperação ambiental como lazer, esporte e ambiência para cultura", diz. 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Ela explica que o parque ganhou estações de tratamento de água conhecidas como wetlands: nove microlagoas utilizam um sistema natural de tratamento de recursos hídricos com plantas aquáticas, que permitem drenar e purificar grandes volumes de água em áreas alagadiças. 

As licitações para as obras nos trechos 4, 7, 8, 9 e 10 devem ser feitas ainda neste primeiro semestre. "Com certeza até o 10 a gente consegue entregar até o fim da gestão", firmou Luciana Lobo. 

Conforme Samuel Dias, titular da Secretaria Municipal da Infraestrutura (Seinf), os obras do trecho entregue custaram cerca de R$ 20 milhões

Segundo o secretário, lagoas que fazem parte de plano de resgate ambiental e urbanístico da Capital estão em processo de licitação e devem ter as obras concluídas no próximo ano, como é o caso da lagoa da Messejana, a do Mondubim e a do Opaia. "Devem começar neste primeiro semestre", acrescenta.

"Fortaleza está se destacando em ter espaços de lazer, em investir no meio ambiente. Esse é o grande tema que o planeta todo está discutindo. Fortaleza parte na frente, sendo uma das capitais que mais investe nessa área", disse o governador Camilo Santana. O prefeito José Sarto destacou a meta da cidade de, até 2050, zerar a emissão de carbono. Além disso, serão entregues 30 microparques urbanos e será feito o plantio de 5 mil árvores.

Estrutura do equipamento

A urbanização contou com a construção de calçadão para caminhadas, ciclofaixa bidirecional, paisagismo, mobiliários urbanos, bicicletário e diversos equipamentos para o lazer e prática de esportes, como quadras, Areninha, pet place, playgroud e novos espaços para convivência.

O novo parque ganhou paisagismo com o plantio de mais de 2.400 espécies de plantas, como arbustos, árvores e palmeiras. Para facilitar o acesso de visitantes, as ruas no entorno do parque também receberam melhorias viárias com pavimentação asfáltica e travessias elevadas para pedestres. O local conta também com 91 vagas de estacionamento.

BAIRROS BENEFICIADOS:

  • Monte Castelo
  • Alagadiço/São Geraldo
  • Presidente Kennedy
  • Pici
  • Antônio Bezerra
  • Dom Lustosa
  • Henrique Jorge
  • Autran Nunes
  • Vila Ellery
  • Parquelândia
  • Amadeu Furtado
  • Bela Vista
  • Padre Andrade
  • Genibaú

Veja imagens da inauguração:

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar