Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Biblioteca Pública abre inscrições para oficinas virtuais e presenciais

Biblioteca Pública Estadual do Ceará, cujas atividades ficaram paralizadas por sete anos, teve reforma concluída no mês de agosto; equipamento opera com 50% da capacidade de atendimento
05:41 | Ago. 24, 2021
Autor Isabela Queiroz Especial para O POVO
Foto do autor
Isabela Queiroz Especial para O POVO Autor
Tipo Notícia

A Biblioteca Pública Estadual do Ceará (Bece) oferta quatro oficinas durante o mês de agosto. As atividades acontecem de 25 a 31 deste mês, sendo duas delas virtuais e duas presenciais. As vagas são limitadas e os interessados podem se inscrever por meio de formulário on-line. O link para inscrições estará disponível no site e redes sociais da Bece.

Com três manhãs de encontros presenciais, a oficina “Histórias que curam: como trabalhar com as narrativas em tempos de adversidades”, com a bibliotecária Laiana Sousa, ofertará 30 vagas e as inscrições estão abertas até o dia 24 de agosto. Com o objetivo de formar mediadores de leitura por meio do estímulo à sensibilidade, criatividade e criticidade, os encontros inauguram o Espaço Multiuso da Biblioteca nos dias 25, 26 e 27 de agosto, das 8h às 12h.

Já na tarde de sábado, 28, a BECE realiza a oficina/aula aberta “O ensino de Literatura na Educação Remota”, com Lúcio Flávio Gondim. O evento será virtual, com transmissão pelo canal da Biblioteca no Youtube, das 14h às 17h. Voltada para o público interessado em educação formal e informal, este encontro busca promover o diálogo entre arte, pedagogia e Tecnologias da Informação e Comunicação, em busca de estratégias para transformar o ofício do ensino da literatura. A aula disponibilizará declaração de participação após avaliação da atividade.

Na terça-feira, 31, Talles Azigon ministra a oficina presencial “Poesia Cearense Contemporânea”, das 9h às 12h, no Espaço Multiuso da Biblioteca. No encontro, os interessados participam de uma exploração na produção da literatura cearense contemporânea, com foco na poesia, passando por cenas diversas dos saraus, da poesia LGBTQIA+, das pequenas editoras e da autopublicação, da internet. As vagas são limitadas a 30 pessoas.


A oficina “A Mediação da Leitura como instrumento de formação do leitor na comunidade”, com Tino Freitas, acontece nos dias 30 e 31 deste mês, encerrando a programação. Essa oficina apresenta a experiência do projeto Roedores de Livros que, desde 2006, promove ações de incentivo à leitura para crianças no entorno de Brasília.

Premiado pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil como o melhor Projeto de Incentivo à Leitura entre Crianças e Jovens do Brasil em 2011, com centralidade na mediação da leitura, o Roedores de Livros apresenta uma metodologia com características passíveis de serem replicadas. As aulas acontecem das 17h30min às 20h30min no formato on-line por meio do Google Meet. Serão ofertadas 30 vagas, com inscrições de 24 a 29 de agosto.

Serviço

“Histórias que curam: como trabalhar com as narrativas em tempos de adversidades”, com Laiana Sousa

  • Quando: 25, 26 e 27 de agosto, das 8h às 12h
  • Local: Biblioteca Pública (presencial) – Espaço Multiuso
  • Ficha de inscrição

“O ensino de Literatura na Educação Remota”, com Lúcio Flávio Gondim

“Poesia Cearense Contemporânea”, com Talles Azigon

  • Quando: 31 de agosto, das 9h às 12h
  • Local: Biblioteca Pública (presencial) – Espaço Multiuso
  • Ficha de inscrição

“A Mediação da Leitura como instrumento de formação do leitor na comunidade”, com Tino Freitas

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Saiba como se cadastrar e emitir carteirinha

00:30 | Ago. 13, 2021
Autor
Tipo

A Biblioteca Pública Estadual do Ceará foi entregue ao público na manhã desta quinta, 12, em solenidade oficial com a presença do governador Camilo Santana (PT), do secretário da Cultura Fabiano Piúba e outras autoridades.

Para poder aproveitar o amplo acervo de mais de 100 mil obras da BECE, é preciso agendar virtualmente a visita, devido à pandemia. O equipamento abrirá no primeiro momento somente seis dos 12 setores que compõem a estrutura da biblioteca, operando com 50% da capacidade.

Uma vez com a visita agendada, é possível obter empréstimo de livros da Biblioteca. Para isso, é necessário fazer ou atualizar um cadastro gratuito, que dá direito à emissão da carteirinha, no balcão de atendimento do térreo.

Documentos necessários:
- Documento de identificação com foto (RG, CNH, carteira de trabalho, passaporte ou outros);
- Comprovante de residência (água, luz, telefone, declaração de abrigo ou moradia social ou Associação de Moradores)
- Para menores de 18 anos, é necessário apresentar cópias de documentos do responsável; caso o responsável cadastre um pessoa menor de idade sem a presença do mesmo, deve apresentar documento de identificação dela

O cadastro tem validade de um ano e, após o prazo, é preciso atualizá-lo e apresentar novo comprovante de residência para solicitar empréstimo. A emissão da carteira é gratuita, mas em caso de perda a segunda via terá valor de R$ 2.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Biblioteca Estadual do Ceará reabre as portas

Cultura
00:30 | Ago. 13, 2021
Autor João Gabriel Tréz
Foto do autor
João Gabriel Tréz Autor
Ver perfil do autor
Tipo

Um dos principais equipamentos culturais do Estado finalmente retomará sua função, mesmo que em contexto ainda desafiador: a Biblioteca Pública Estadual do Ceará (BECE), na Avenida Leste Oeste, foi reintroduzida à população cearense na manhã desta quinta, 12, quando foi oficializada a reabertura física do espaço pelo governador Camilo Santana (PT). A partir de hoje será possível visitar a biblioteca mediante agendamento virtual. O equipamento irá operar com 50% da capacidade de atendimento em respeito aos protocolos de retomada do setor cultural.

"Não há nenhum outro caminho pra construir uma sociedade mais justa do que através da educação, da cultura, da informação, do conhecimento", destacou o governador em fala na ocasião. O secretário Fabiano Piúba ressaltou, também, que a BECE deverá realizar "uma programação cultural conectada com a Cidade, o Estado, o País e o mundo".

A reinauguração do equipamento contou com a presença do governador, do secretário, da vice-governadora Izolda Cela; do ex-governador e presidente da Academia Cearense de Letras Lúcio Alcântara; do secretário da Cultura de Fortaleza Elpídio Nogueira; da diretora da BECE Enide Vital; da diretora-presidente do Instituto Dragão do Mar Rachel Gadelha; e do presidente da Assembleia Legislativa do Ceará Evandro Leitão, entre outros nomes.

Fechada desde 2014, a Biblioteca tinha previsão de reabertura ainda para 2020, em 25 de março, conforme o Vida&Arte noticiou em fevereiro do ano passado. No entanto, dias antes da data, as atividades no Ceará foram fechadas.

A biblioteca, destacou Fabiano, é a instituição em funcionamento mais antiga no Ceará, tendo sido inaugurada em 25 de março de 1867. Ela funciona desde 1975 no prédio que ocupa hoje, na Avenida Leste Oeste, e anteriormente era conhecida como Biblioteca Pública Governador Menezes Pimentel. 

O investimento total na BECE foi de R$ 21.671.697,79, sendo R$ 11.348.762,75 destinados à obra estrutural e R$ 10.322.935,04 à modernização, o que incluiu aquisição de equipamentos, mobiliário, ambientação e acervo.

A BECE é vizinha ao Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura e a nova fase inclui uma integração física entre os dois equipamentos. "Não existia a conectividade e hoje você pode sair da Biblioteca e ir para o Dragão do Mar", celebrou o governador, citando ainda a importância da integração de todos os equipamentos culturais da região, como o Teatro São José, que fica em frente à BECE. A obra de integração entre o Dragão e a Biblioteca teve investimento de R$ 2.846.362,95.

De início, seis dos 12 setores estarão em funcionamento na BECE: Obras Raras, Periódicos, Microfilmagem, Obras Gerais, Obras Gerais - Coleção Ceará, Artes e Iconografia e Atualidades. Será possível realizar empréstimo de livros, consultar o acervo e realizar visitas guiadas.

Para o empréstimo de livros, será preciso fazer um cadastro e emitir a Carteirinha da BECE. De início, apenas quem fizer agendamento poderá ter acesso a este serviço. Será possível consultar o acervo e fazer empréstimo, reserva e renovação de livros pelo site. 

Entre os outros setores, há o Infantil/Bebê BECE, para o público infantil; Espaço Multiuso, que pode receber atividades e eventos; Leitura Acessível, com livros em braile e audiolivros; Oficina do Fazer, um novo espaço no qual será possível desenvolver processos criativos e atividades formativas; e o Laboratório de Conservação e Restauro e Encadernação de papéis, onde ocorrerão processos de preservação do acervo da BECE, de instituições parcerias e também formações.

A entrega da BECE marca a conclusão de um longo processo de reestruturações e promessas. As reformas estruturais começaram em 2015 e seguiram até 2017. Depois, o espaço passou por modernizações e um novo conceito foi estruturado, sendo apresentado em agosto de 2019 na Bienal do Livro do Ceará. Já na pandemia, em outubro de 2020, o V&A notificou que a previsão da Secretaria era a de funcionamento da BECE até dezembro daquele ano, mas o agravamento da pandemia no Estado frustrou novamente os planos.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Biblioteca Pública do Ceará: saiba como fazer empréstimos de livros

Reinauguração
16:50 | Ago. 12, 2021
Autor João Gabriel Tréz
Foto do autor
João Gabriel Tréz Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Os livros da Biblioteca Pública Estadual do Ceará poderão, finalmente, reencontrar o público. Fechado desde 2014, o equipamento foi reinaugurado na manhã desta quinta, 12, em solenidade com o governador Camilo Santana (PT).

Dos 12 setores da Biblioteca, seis estarão acessíveis ao público: Obras Raras, Periódicos, Microfilmagem, Obras Gerais, Obras Gerais - Coleção Ceará, Artes e Iconografia e Atualidades.

O empréstimo de livros do amplo acervo estará disponível para as pessoas que tenham cadastro na BECE. Para isto, é necessário primeiro realizar o agendamento virtual prévio, demandado por conta de protocolos referentes à pandemia.

Uma vez com a visita agendada e o cadastro realizado, é possível utilizar o serviço de empréstimo de livros. Para isso, é preciso apresentar a carteirinha BECE em um dos balcões dispostos nos setores de Atualidades e Leitura Acessível (Hall Térreo); Obras Gerais e Coleção Ceará (Andar Superior +1); e Setor Infantil (-1).

É possível consultar o acervo pelo site da BECE e, também, reservar obras de maneira on-line. A confirmação da reserva se dará em até 48 horas após efetuado a solicitação e, então, será possível buscar o livro em data agendada.

Detalhes sobre as possibilidades de empréstimo e a renovação, como número de títulos máximos, prazo de devolução, valor de multa por atraso e outros, podem ser encontrados no site da BECE.

Biblioteca Pública Estadual do Ceará

Quando: visitas de segunda à sexta, de 9 às 16 horas, a partir de 13 de agosto, mediante agendamento
Onde: Avenida Leste Oeste, 255, ao lado do Dragão do Mar
Agendamento e mais informações: www.bece.cultura.ce.gov.br

Podcast Vida&Arte
O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker. Confira o podcast clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Biblioteca Pública do Ceará: saiba como agendar visita

literatura
16:37 | Ago. 12, 2021
Autor João Gabriel Tréz
Foto do autor
João Gabriel Tréz Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Entregue ao público na manhã desta quinta, 12, a Biblioteca Pública Estadual do Ceará está pronta para receber visitantes a partir desta sexta, 13, mas será preciso agendar virtualmente para poder aproveitar o equipamento.

O acervo da BECE conta com mais de 100 mil obras e a biblioteca tem 12 setores diferentes. No momento inicial da reabertura, apenas seis estarão funcionando: Obras Raras, Periódicos, Microfilmagem, Obras Gerais e Obras Gerais - Coleção Ceará, Artes e Iconografia e Atualidades.

O agendamento de visitas à BECE está aberto desde esta sexta, 13, pelo site do equipamento, na aba "Serviços". Primeiro, é preciso escolher o dia e o turno da visita. Depois, preencher os dados requeridos: nome, e-mail e telefone. Finalmente, basta escolher qual setor você quer acessar e confirmar.

O agendamento já está disponível no site da Biblioteca. É preciso primeiro escolher o turno e o dia e, depois, completar os campos de 'nome', 'e-mail', 'telefone' e setor que pretende acessar
Foto: reprodução
O agendamento já está disponível no site da Biblioteca. É preciso primeiro escolher o turno e o dia e, depois, completar os campos de 'nome', 'e-mail', 'telefone' e setor que pretende acessar

O atendimento da Biblioteca durante a pandemia é de 9 às 16 horas, divididos em dois turnos: de 9 às 12 horas e, depois, de 13 às 16 horas.

Uma vez com a visita agendada, será possível, por exemplo, efetuar cadastro, emitir a carteirinha de usuário, realizar empréstimo de livros e utilizar os espaços liberados no prédio da BECE.

Biblioteca Pública Estadual do Ceará

Quando: visitas de segunda à sexta, de 9 às 16 horas, a partir de 13 de agosto, mediante agendamento
Onde: Avenida Leste Oeste, 255, ao lado do Dragão do Mar
Agendamento e mais informações: www.bece.cultura.ce.gov.br

Atualizado às 11h15 de 13 de agosto

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags