PUBLICIDADE
Fortaleza
Noticia

Operação combate ameaças recebidas por moradores no José Walter

A Operação Domus tem a finalidade de detectar irregularidades relacionadas a ameaças recebidas por moradores, além furto de energia e visa o cumprimento de mandado de prisão

09:00 | 21/07/2021
Fortaleza, Ce, BR 27.04.21  Facções criminosas estão monopolizando o comércio de Internet e gás de cozinha no residencial Cidade Jardim 2 no grande José Walter  (Foto: FCO FONTENELE)
Fortaleza, Ce, BR 27.04.21 Facções criminosas estão monopolizando o comércio de Internet e gás de cozinha no residencial Cidade Jardim 2 no grande José Walter (Foto: FCO FONTENELE)

Uma ação da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) deflagrada na manhã desta quarta-feira, 21, no Residencial Cidade Jardim, no bairro José Walter, visa apurar denúncias de ameaças sofridas por moradores. Até as 9 horas, quatro pessoas já haviam sido presas. A segunda fase da Operação Domus visa cumprir mandados de prisão em aberto, também detectar irregularidades relacionadas às ameaças, furto de energia, entre outras situações que podem ser encontradas durante a ofensiva.

LEIA MAIS | Estatísticas de criminalidade, dados sobre foragidos e relatos de ameaças mapeiam ações policiais

Megaoperação fecha o cerco contra traficantes que ameaçam moradores de conjuntos habitacionais em Fortaleza

A Domus também visa reforçar a fiscalização de pessoas monitoradas por tornozeleiras eletrônicas. Os trabalhos são conduzidos pela Coordenadoria Integrada de Planejamento Operacional (Copol) da SSPDS e reúnem equipes da Polícia Militar, da Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros, da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), da Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis), da Guarda Municipal de Fortaleza (GMF), da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e funcionários da Enel, concessionária de energia elétrica no Ceará.

Entre as ações, está fiscalização sobre ligações de energia elétrica
Entre as ações, está fiscalização sobre ligações de energia elétrica (Foto: Whats App O POVO)

LEIA MAIS| Operação Domus prende 14 pessoas em conjunto habitacional no Ancuri, em Fortaleza

Uma aeronave da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) auxilia os trabalhos das equipes. 

Com informações de Mônica Damasceno

Guerra Sem Fim

O POVO Mais lança a segunda temporada de Guerra Sem Fim, série original que mergulha no universo das facções no Ceará.

O primeiro episódio desta temporada mostra a realidade das famílias expulsas de casa pelas facçõesRefugiados Urbanos

O segundo episódio mostra a disputa interna no PCC que levou ao surgimento da GDEGDE: como nasce uma facção

O terceiro episódio conta a história do jovem que sonhou suceder o pai na hierarquia da facção, mas encontrou outro caminho pela arte, assim como de outros jovens: Juventude Sobrevivente

Nessa segunda-feira, 19, foi lançado o terceiro episódio da nova temporada: “Juventude sobrevivente” revela casos de jovens que conseguem sobreviver nesses territórios dominados pelo terror por meio da arte. Você confere aqui 

Assista à primeira temporada 

1ª temporada, episódio 1: A onda de violência

Em janeiro de 2019, as facções criminosas no Ceará se uniram contra as ações rígidas dentro das penitenciárias, gerando a maior onda de violência do Estado. Como isso aconteceu?

Assista aqui

1ª temporada, episódio 2: Tribunais do Crime

O funcionamento interno das facções criminosas no Ceará: como punem seus próprios integrantes?

Assista aqui

1ª temporada, episódio 3: Caminhos do Crime

A entrada em organizações como as facções é um dos caminhos trilhados pelo crime. O que influencia esse cenário? Como é possível fugir do crime?

Assista aqui