PUBLICIDADE
Fortaleza
Noticia

Saiba quem é o rapaz que passou de carro segundos antes do edifício Andréa desabar

Ícaro da Silva, dono de uma empresa de tecnologia, havia saído da casa da namorada, na Varjota, e estava a caminho de uma reunião na avenida Antônio Sales

15:49 | 16/10/2019
"Eu pensei ‘não. Um prédio não cai assim, não tem como’", declarou Ícaro ao O POVO Online (Foto: Reprodução)

Uma das imagens de câmeras de segurança próximas ao prédio que desabou mostra um carro passando em frente ao edifício Andrea segundos antes da construção desabar na manhã da última terça-feira, 15. O POVO Online localizou o passageiro, Ícaro da Silva, que estava dentro do veículo em viagem de Uber quando as imagens captaram o momento da queda.

O jovem de 23 anos, dono de uma empresa de tecnologia, havia saído da casa da namorada, na Varjota, e estava a caminho de uma reunião na avenida Antônio Sales. O GPS do aplicativo mandou o motorista entrar em uma rua à direita, que seria a do prédio. Foi no quarteirão seguinte que o carro passou ao lado do edifício e segundos depois Ícaro ouviu o barulho. 

Em um primeiro momento o jovem chegou a pensar que não se tratava da queda de um prédio. “Eu pensei ‘não, um prédio não cai assim, não tem como’. Primeiro achei que tinham implodido o prédio, e aí o Uber falou ‘não, cara, se fosse uma implosão teriam fechado a rua, fechado a área, tinha aviso, enfim, mil coisas’”, declarou.

 

No momento de incredulidade ele ainda pensou se tratar de um caminhão que carrega telhados de alumínio. “Eu achei que era o caminhão carregando aqueles telhados de alumínio gigantescos, que quando passa um vento faz um barulho enorme. Achei que era um caminhão carregando esse tipo de telha, passando por um buraco, batendo”, afirmou.

 

Ao chegar na reunião, os colegas falaram que o prédio havia caído, e Ícaro mandou um áudio no grupo da família. Em um primeiro momento os familiares não tiveram dimensão da situação, mas após toda a repercussão se deram conta da gravidade do que houve. “Depois quando eles viram os vídeos do carro passando poucos segundos antes é que foram rezar e agradecer a Deus”.

Sorte, destino, acaso. Ícaro não descarta nenhuma possibilidade. A única certeza que tem é de que durante a vida situações de quase morte irão acontecer. “Durante sua vida inúmeras vezes você vai passar por situações de quase morte, muitas delas você nem vai perceber. Por exemplo: há duas ruas de onde você tá pode ter uma pessoa atirando na outra, ou pode ter uma briga num bar que você saiu 10 minutos antes. Esse tipo de coisa... esse tipo de coisa que a maioria você nem percebe".

Confira vídeo:

 

 

 

 

 

 

Ver essa foto no Instagram

Novas imagens de câmeras de segurança no entorno do edifício Andréa mostram o momento exato em que o prédio veio a baixo, por volta das 10h30 da terça-feira, 15, no bairro Dionísio Torres. Pela filmagem do circuito, é possível ver o portão do edifício ser lançado fora pelo impacto e a nuvem de poeira cobrir a rua. Segundo o Corpo de Bombeiros, duas mortes já foram confirmadas, nove pessoas já foram resgatadas e outras oito ainda estão desaparecidas. As buscas se estenderam durante toda a madrugada de terça para quarta e já somam quase 24 horas de trabalho ininterrupto. A retirada total dos escombros ainda deve durar cerca de uma semana. (Vídeo: via Whatsapp O POVO)

Uma publicação compartilhada por O POVO Online (@opovoonline) em