PUBLICIDADE
Fortaleza
NOTÍCIA

Três delegacias são alvos de ataques em menos de um mês; carros são retirados pela Polícia Civil

Depósito foi reativado para receber os carros que serão retirados do entorno dos distritos policiais de Fortaleza e Região Metropolitana

13:28 | 22/07/2019
Oito carros foram incendiados, na noite deste domingo, no 27º Distrito Policial do bairro João XXIII, em Fortaleza. (fotos: Tatiana Fortes/ O Povo)
Oito carros foram incendiados, na noite deste domingo, no 27º Distrito Policial do bairro João XXIII, em Fortaleza. (fotos: Tatiana Fortes/ O Povo)(Foto: Tatiana Fortes/Tatiana Fortes)

Desde o último dia 2 de julho ao menos três delegacias foram alvos de ações criminosas em Fortaleza. O último ataque ocorreu nesse domingo, 21, no bairro João XXIII, onde oito carros estacionados no entorno do 27° Distrito Policial (DP), foram incendiados. Antes, no Conjunto Ceará, sete veículos ao redor do 12° DP também foram queimados. O caso foi na sexta-feira, 19.

O primeiro dos três atos de “vandalismo”, como define a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), foi contra automóveis estacionados no entorno do 13° DP, em 2 de julho. Um homem de 18 anos foi preso em flagrante referente a esse atentado. “Inquéritos policiais referentes os 27º e 12º DPs também foram instaurados e suspeitos já foram identificados, porém detalhes não serão repassados para não comprometer o trabalho policial. As investigações desenvolvidas até o momento apontam para ações isoladas relacionadas ao vandalismo”, afirma, em nota, a SSPDS.

De acordo com a secretaria, as investidas contra os distritos não têm ligação com organizações criminosas.

Conforme a Polícia Civil, desde junho, foi iniciado processo de remoção dos veículos apreendidos, vinculados a procedimentos policiais, que se encontram parados em pátios e no entorno das delegacias de Fortaleza e Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). “A ação foi possível após a ativação de mais um depósito para a guarda de veículos ativado pela instituição. O local é situado na Caucaia”, detalha a SSPDS.

A Polícia Civil informa que, além dos depósitos, existe um trabalho em conjunto com o Poder Judiciário para a autorização da venda desses veículos, o que permitirá uma rotatividade nos armazéns.

Veja fotos dos carros incendiados no entorno do 27º DP:

Clique na imagem para abrir a galeria

Denúncia

A população pode contribuir com as investigações sobre os ataques repassando informações. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque-Denúncia da SSPDS. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Ítalo Cosme / ESPECIAL PARA O POVO