PUBLICIDADE
Notícias
APÓS POST NO INSTAGRAM

Noivos ganham patrocínio da Skol para casamento

A empresa contatou o Instagram dos noivos (@sebeber.case) para dizer que fornecerá gratuitamente as cervejas da celebração

22:26 | 21/02/2019
O perfil do Instagram Se Beber, Case - que posta imagens do casal nos Pré-Carnavais - repercutiu publicação do O POVO Online. Em seguida, a página Skol comentou. (Foto: Reprodução)
O perfil do Instagram Se Beber, Case - que posta imagens do casal nos Pré-Carnavais - repercutiu publicação do O POVO Online. Em seguida, a página Skol comentou. (Foto: Reprodução)

A história de um noivado que começou no Réveillon, no calçadão da Praia de Iracema, ganhou repercussão nas redes sociais no último dia 19, ao ser publicada pelo O POVO Online. No mesmo lugar, Gustavo Henrique Alves, 25, e Evania Mara Oliveira, 24, arrecadam dinheiro para o casamento, vendendo cervejas nos Pré-Carnavais de Fortaleza. Ao tomar conhecimento da história do casal, a Skol resolveu apadrinhar a cerimônia.

A empresa contatou o Instagram dos noivos (@sebeber.case) para dizer que fornecerá gratuitamente as cervejas da celebração, mas ainda está em fase de organizar como será a entrega e outras questões operacionais. “A história deles tem tudo a ver com a marca. Estamos muito felizes com o que eles estão fazendo, de ir trabalhar, vender cerveja no Carnaval para ajudar a pagar o casamento. Foi super bacana participar. Podemos dizer que esse casamento tem dois padrinhos: o Jornal O POVO e a Skol”, diz Mariana Rech, gerente regional de marketing da Ambev no Ceará.

A noiva, Evania Oliveira, diz que está em “êxtase” desde que foi contatada pela fornecedora de bebidas. “Eles falaram que querem que o momento seja muito especial e perguntaram se podiam ser nossos padrinhos. A gente ficou muito feliz”, comenta.

Ajuda da família

Os dois tiveram ajuda de familiares e amigos para conseguir as caixas de isopor e o carrinho de carga. A meta é arrecadar R$ 15 mil até a data do casamento, marcada para julho de 2020. No entanto, eles não chegaram "nem perto disso", segundo a noiva. 

 Para divulgar o projeto, o casal fez o perfil no Instagram “Se beber, case”. Eles contam que os amigos ajudaram nas vendas. “No primeiro sábado foi muito difícil, mas conseguimos pegar o jeito e entender o funcionamento dos eventos. No terceiro dia que fomos foi surreal. A notícia se espalhou, muita gente compartilhou as postagens e fomos muito procurados”.

Evania e Gustavo já se planejam para continuar as vendas nos festejos de São João e em outros eventos abertos da Capital. 

Ingrid Campos