PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Centro de Fortaleza tem movimentação intensa neste primeiro fim de semana sem lockdown

Comércio de rua foi autorizado a funcionar aos sábados e domingos a partir de hoje, e devem seguir até o próximo dia 16 de março. Um dos interesses foi para comprar presente das mães

Mirla Nobre
13:21 | 08/05/2021
Comércio de rua pode abrir as portas, mas com restrição na capacidade, que estabelece limitação de 40% (Foto: Bárbara Moira)
Comércio de rua pode abrir as portas, mas com restrição na capacidade, que estabelece limitação de 40% (Foto: Bárbara Moira)

Com uma movimentação esperada para o primeiro fim de semana sem lockdown no Ceará, período que também marca o retorno do funcionamento de algumas atividades econômicas, o Centro de Fortaleza registrou uma movimentação intensa neste sábado, 8. A data também coincide com o período de comemoração do Dia das Mães, um dos principais motivos para a ida dos consumidores ao comércio local, a fim de garantir um presente.

As lojas foram autorizadas a funcionar aos fins de semana a partir de hoje, e devem seguir até o próximo dia 16 de março, conforme o decreto do Governo do Ceará renovado e publicado na manhã deste sábado, no Diário Oficial do Estado (DOE). De 10h às 15h, o comércio de rua pode abrir as portas, mas com restrição na capacidade, que estabelece limitação de 40%.

LEIA MAIS | Restaurantes e comércio estarão abertos no fim de semana do Dia das Mães

+Encontros no Dia da Mães podem ser momento de transmissão da Covid-19, alertam especialistas

Durante a movimentação deste sábado, algumas lojas do Centro registraram filas de pessoas para entrar nos estabelecimentos comerciais. Para controlar a quantidade de consumidores no local e seguir as regras do decreto do governo estadual, algumas lojas escalaram funcionários específicos para o controle. Sem conhecimento do horário autorizado das lojas aos fins de semana, algumas pessoas chegaram por volta das 8 horas prevendo que as lojas já estariam abertas, o que ocasionou a espera para a abertura.

O mecânico Victor Silva, morador do bairro Siqueira, em Fortaleza, destaca que, com a liberação, ele aproveitou para ir em busca de uma lembrança para o Dia das Mães, mas confessa que não sabia sobre os novos horários. “Chegamos por volta de 8h30min, 9 horas. Estava tudo fechado, mas estávamos aqui e tínhamos que esperar”, relata.

LEIA MAIS | Veja o que pode abrir no primeiro fim de semana sem lockdown no Ceará

Segundo Clenir Dantas, gerente de loja, o alto fluxo de pessoas na retomada das atividades era algo esperado. “Tem bastante gente, todo mundo à procura de uma lembrançinha”, informa. A gestora ainda destaca que o movimento já vinha sendo observado durante a semana, onde o horário de funcionamento segue de 10h às 16h.

Para a gerente de uma loja de bijouterias, Ana Teles, a movimentação por causa do Dia das Mães é boa, mas as expectativas eram maiores. “Esperávamos um pouco mais, mas as coisas estão melhorando aos poucos. Como é no começo do mês, sempre vai ter mais movimento, eu acho que isso também ajuda muito”, explica.

Este fim de semana marca o retorno do funcionamento de atividades comerciais aos fins de semana. O decreto estadual mais recente autoriza a abertura de lojas e restaurantes aos sábados e domingos, juntamente de outros setores que já tinham permissão para o funcionamento.

Com informações da repórter Irna Cavalcante