PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

Brisanet projeta contratar até 300 pessoas por mês em 2021

A empresa de serviços de internet por fibra óptica, TV por assinatura, streaming e telefonia, já havia expandido para 6 mil o número de colaboradores após a contratação de 2,8 mil funcionários no ano passado

21:53 | 23/02/2021
Brisanet tem sede no município cearense de Pereiro e conta, atualmente, com 6.000 funcionários (Foto: DIVULGAÇÃO)
Brisanet tem sede no município cearense de Pereiro e conta, atualmente, com 6.000 funcionários (Foto: DIVULGAÇÃO)

Com carteira de clientes de mais de 600 mil assinantes, a Brisanet anunciou que pretende contratar até 300 profissionais por mês em 2021. A empresa, que presta serviços de internet por fibra óptica, TV por assinatura, streaming e telefonia, já havia expandido para 6 mil o número de colaboradores após a contratação de 2,8 mil funcionários no ano passado. Esse é o maior número de funcionários que a empresa já teve em sua história.

A geração de empregos pela telecom acompanha também o ritmo de crescimento no número de assinantes que aumentou em 270 mil, somente entre os meses de janeiro e dezembro de 2020, totalizando quase 625 mil clientes. Além disso, a Brisanet passou a ter, ainda em setembro, a maior participação no mercado de internet por fibra óptica do Nordeste, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Atuando em cerca de 200 municípios dos estados do Ceará, Alagoas, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte, a empresa conta com uma política de incentivo ao primeiro-emprego em seus processos de contratação. De acordo com Bruna Marçal Ramos Albuquerque, gerente de desenvolvimento humano da Brisanet, a telecom está “constantemente analisando, recrutando, selecionando talentos profissionais para compor o nosso quadro de funcionários e, principalmente, desenvolvendo-os para formação de carreira na nossa empresa como para também seu crescimento pessoal e profissional”.

Ela acrescenta que 30% do quadro funcional da empresa teve seu primeiro emprego formal na companhia e que das novas contratações realizadas em 2020, 25% foram profissionais em início de carreira.

(Atualizado em 24/2/2021, às 11 horas)