PUBLICIDADE
Economia
NOTÍCIA

BNB realiza Feirão da Retomada para renegociação de dívidas e contratação de novos créditos

Clientes tem até dia 13 de setembro para participar

Carlos Viana
07:23 | 04/09/2020
Ação faz parte da Semana Brasil e irá até o dia 13 de setembro (Foto: Divulgação/BNB)
Ação faz parte da Semana Brasil e irá até o dia 13 de setembro (Foto: Divulgação/BNB)

Até o dia 13 de setembro, clientes do Banco do Nordeste do Brasil (BNB),podem aproveitar o Feirão da Retomada para obter ofertas especiais como renegociação de dívidas do programa Crediamigo em
condições diferenciadas. A ação faz parte da Semana Brasil, evento organizado pelo Governo Federal.

Quem renegociar as dívidas terá o prazo de até 60 dias para efetuar o pagamento da primeira parcela.
O encontro entre o cliente e um agente do banco será feito de forma online, através de vídeochamadas com agendamento prévio, realizado nas unidades Crediamigo.

Ainda durante a Semana Brasil, o BNB realizará o "Webnar Crediamigo", com transmissão ao vivo pelo canal da instituição no Youtube, trazendo conteúdo para microempreendedores.

LEIA MAIS - BNB fecha primeiro semestre com R$ 18,3 bi em aplicações

Entre os temas abordados, estão: "como atender clientes por meios virtuais: como ganhar, fidelizar e lucrar mais", "a retomada das atividades é o momento certo para crescer" e "dicas para a retomada
das vendas". Os conteúdos serão ministrados por especialistas de instituições parceiras como o Sebrae.

Também durante o Feirão, interessados poderão contratar crédito pelo FNE Emergencial, linha de crédito criada em março de 2020, com vigência enquanto durar o período de calamidade pública em razão da pandemia causada pelo Covid-19.

LEIA MAIS - Banco do Nordeste desembolsa R$ 5 bilhões em microcrédito neste ano

O FNE pode ser contratado por pessoas físicas, profissionais liberais e empreendedores individuais (MEIs), com atividades produtivas realizadas em municípios em estado de calamidade declarada por
autoridades públicas. As taxas de juros para essa linha de crédito são de 2.5% ao ano.