Participamos do

Cachorro "pega" carona em ônibus todos os dias para acompanhar tutor na escola

Farofa aprendeu a "pegar" carona no ônibus para acompanhar seu tutor nas aulas do IFMT
16:28 | Mai. 07, 2022
Autor Melissa Carvalho
Foto do autor
Melissa Carvalho Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Levar o animal de estimação para a escola ou trabalho é o desejo de muitos tutores. Renan Schiavo, de 16 anos, não precisou fazer muito esforço para ter seu bichinho na correria diária, já que seu cachorro Farofa aprendeu a “pegar” carona no ônibus para acompanhá-lo até a escola.

Conhecido no transporte que leva até o Instituto Federal do Mato Grosso (IFMT), no campus de Campo Novo do Parecis, Farofa “pega” a condução e segue o jovem durante o dia. Em entrevista ao O POVO, o motorista Michel Galiassi, de 31 anos, conta que o cachorro é querido dentro do ônibus. 

 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

 

Michel é mestre em arquitetura, mas atua na empresa de ônibus do pai e, ocasionalmente, trabalha como motorista para preencher o horário de algumas linhas. Quando as aulas do IFMT retornaram presencialmente, ele precisou ocupar a rota e percebeu que um cachorrinho acompanhava o ônibus todos os dias até a saída da cidade. “Eu achei que era um cachorro de rua e estava só perseguindo o ônibus, mas depois de uns dias ele tomou coragem e entrou”, lembra.

A missão de Farofa é acompanhar Renan durante o dia. O estudante conta ao O POVO, que o cachorro que está em sua família há cinco anos, não tinha o costume de acompanhá-lo antes. “Ele é muito inteligente, o que torna ele praticamente impossível de prender. Então, eu só aceito que ele me acompanhe para onde eu vou todos os dias”, confessa Renan. Além de ser um passageiro comportado, o tutor Renan garante que Farofa sabe o momento de subir e descer do ônibus. Já sua ida até o local do seus estudos tem atrapalhado porque, às vezes, Farofa late muito e “atrapalha algumas aulas de outras turmas”, revela. 

Farofa e os passageiros

O motorista Michel revela que os passageiros gostam muito de Farofa e comemoram quando ele sobe no ônibus. “Ele é bem tranquilo, geralmente procura um assento e vai embaixo sentadinho. O pessoal gosta dele e faz carinho, não dá trabalho”, relata.

Em uma dessas corridas, Michel conta que certa vez o cachorro “pegou” o ônibus errado e foi parar a 5 km de distância de sua casa. O pessoal do ônibus ainda tentou evitar que o Farofa seguisse a viagem errada, mas ele não desceu e nem deixou que ninguém o pegasse, por achar que poderiam levá-lo ao banho. “Mas ele encontrou o caminho de volta, porque no outro dia ele tava ali pegando o ônibus de novo”, afirma Michel.

O motorista diz ainda que estavam tentando evitar que o cachorro frequente o IFMT, e que Apesar do estudante impedir que ele o acompanhe, Farofa fica no ponto e espera o ônibus seguinte. “Ele está bem rebelde”, brinca Michel. 

Repercussão

Quando publicou o vídeo nas redes sociais, o motorista ficou impressionado com a quantidade de visualizações. “Não botei muita fé que ia ter uma repercussão tão grande”, revela. Só no Instagram, a gravação de Farofa andando de ônibus alcançou mais de 1 milhão de visualização.



Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar