Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Cerveja no frio? Conheça cinco tipos adequados para baixas temperaturas

Quando se pensa em cerveja no Brasil, a primeira imagem que vem à cabeça é o consumo da bebida associado ao calor. Conheça cinco tipos de cerveja propícios para beber em climas mais frios
23:17 | Ago. 25, 2021
Autor Mateus Brisa
Foto do autor
Mateus Brisa Estagiário
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Quando se pensa em cerveja no Brasil, a primeira imagem que vem à cabeça é o consumo da bebida associado ao calor. Fora do País, nem sempre é assim que acontece. Em regiões mais frias, como Estados Unidos e Canadá, há destaque para a ingestão de cervejas mais adequadas ao clima diferente.

Em estabelecimentos nestas regiões, é comum o consumo de cervejas com cores escuras, encorpadas e com maior teor alcoólico. Se você precisar viajar para lugares mais frios, dentro e fora do Brasil, confira abaixo cinco tipos de cervejas feitos para beber no frio.

Golden Strong Ale

As cervejas do tipo Golden Strong Ale têm aromas frutados, sabores agridoces e cor dourada, além de maior quantidade de malte, lúpulo e álcool. Na boca, o sabor amargo e seco pode mascarar o teor alcoólico, que varia entre 7 a 12%.

Bock

Com cores mais amarronzadas, quase pretas, as cervejas do tipo alemão Bock têm predominância do malte tostado em seu aroma e seu sabor. Assim, pode resultar em experiências picantes e caramelizantes.

Quadrupel

Tipo mais alcoólico e encorpado, o Quadrupel tem cervejas de cor de caramelo escuro e sabor mais adocicado (disfarçando a quantidade de álcool) de frutas secas.

Tripel

De origem bela, esse estilo tem o prefiro “tri” em referência à quantidade de vezes que a água é transcorrida pela caldeira de grãos. De cor mais clara e espuma cremosa, as cervejas desse tipo podem ser confundidas com as Golden Strong Ale, mas têm sabores mais acentuados, com notas de banana, pera e laranja, e aromas mais chamativos que lembram cravo, mel e pimenta.

Russian Imperial Stout (RIS)

A origem deste tipo de cerveja tem ligação com o inverno. Trabalhadores portuários ingleses criaram esta bebida para se recuperar de expedientes cansativos; pouco depois, a rainha russa Catarina II provou a cerveja em visita à Inglaterra e quis importar para seu reino.

Ao chegar no império russo, a bebida havia estragado e, para ser recuperada, os russos adicionaram mais lúpulo e álcool, resultando em uma cerveja com mais corpo e maior teor alcoólico.

Atualmente, as cervejas do tipo Russian Imperial Stout (RIS) têm amoras similares ao do café e do chocolate devido ao malte torrado, um dos ingredientes. Sua cor é escura e sua espuma é mais densa, enquanto o teor alcoólico fica em torno de 12%.

Com informações do portal Exame

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Brasil tem duas cervejas entre as 20 mais valiosas do mundo; veja lista

ECONOMIA
11:54 | Ago. 24, 2021
Autor Beatriz Cavalcante
Foto do autor
Beatriz Cavalcante Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Brasil figura com duas cervejas no ranking da BrandZ da Kantar das 20 destas bebidas mais valiosas do mundo em 2021. As marcas Skol, em nono lugar e com valor de US$ 7,303 milhões, e a Brahma, em 16º de posição e valor de US$ 3,834 milhões, são as brasileiras neste levantamento.

No topo de destaque está a chinesa Moutai, que cresceu 103% no último ano e atingiu um montante de US$ 109,3 milhões.

A Moutai é um baijiu (licor) feito à base de sorgo produzido pela Kweichow Moutai. Uma garrafa de meio litro custa em média 1.498 yuan (cerca de R$ 1.250), segundo a Kantar.

"A marca vem sendo adquirida, principalmente, por integrantes da crescente classe média do país, que buscam a sensação de luxo e o status que seu consumo traz", frisa o levantamento BrandZ Marcas Globais Mais Valiosas 2021, produzido pela Kantar, líder em dados, insights e consultoria. 

De acordo com a análise, as 20 maiores companhias de bebidas alcoólicas totalizaram US$ 245,3 milhões, o que aponta uma alta de 49% em relação ao ranking de 2020. O valor ainda posiciona o setor acima de categorias como Cuidados Pessoais, Automóveis e Luxo.

Destaques

Outro destaque no ranking Kantar foi a marca Wu Liang Ye, baijiu feito com cinco grãos orgânicos e fabricado pela Wuliangye Yibin, concorrente direto da Moutai. A companhia ocupa a terceira posição da categoria, com valor de mercado de US$ 14,5 milhões.

A mexicana Corona, por sua vez, reforçou seu posicionamento graças a um lançamento. Trata-se da Corona Hard Seltzer, água com gás alcoólica saborizada que está fazendo sucesso nos Estados Unidos, a ponto de render US$ 40 milhões para a empresa.

"No México, o aumento nas vendas em mercearias e lojas de bebidas cobriu a queda de 50% nos restaurantes. No BrandZTM, a marca ocupa a sétima colocação, com US$ 8,8 milhões", detalha a pesquisa. 

Veja 20 marcas de cerveja mais valiosas no BrandZ 2021

Ranking 2021
Marca
País de Origem
Valor 2021 (Milhões)
Valor 2020 (Milhões)
1 Moutai
China US$ 109,330 US$ 57,755
2 Budweiser EUA
US$ 16,173 US$ 14,654
3 Wu Liang Ye
China US$ 14,539 N/A
4 Heineken
Países Baixos US$ 12,879 US$ 11,136
5 Stella Artois
Bélgica US$ 10,901 US$ 9,975
6 Bud Light
EUA US$ 9,373 US$ 9,702
7 Corona México
US$ 8,893 US$ 7,853
8 Jack Daniel’s
EUA US$ 7,766 N/A
9 Skol Brasil US$ 7,303
US$ 6,819
10 Cass Coreia do Sul US$ 7,024
N/A
11 Hennessy França
US$ 5,845 N/A
12 National Cellar 1573
China US$ 4,921 N/A
13 Tecate México US$ 4,186
N/A 
14 Smirnoff Rússia US$ 4,113
N/A
15 Guinness Irlanda US$ 3,846 US$ 3,930
16 Brahma Brasil US$ 3,834 US$ 3,733
17 Yanghe China US$ 3,718
N/A
18 Michelob Ultra EUA US$ 3,715
N/A
19 Modelo México US$ 3,472 US$ 3,326
20 Asahi Japão US$ 3,472 N/A 

 Fonte: Kantar

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Heineken abre mais de 300 vagas para emprego e estágio; saiba como se inscrever

Economia
23:02 | Ago. 20, 2021
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo

O Grupo Heineken abriu seleção para mais de 300 vagas de emprego em várias unidades do País. Os cargos exigem desde o ensino médio até o superior. Com mais de 13 mil colaboradores, a empresa vai realizar seleção remota com todos os candidatos.

As atribuições, assim como os requisitos e as etapas do processo seletivo, variam de acordo com a posição de interesse, segundo informou a empresa. Os candidatos interessados ainda poderão se inscrever por tempo indefinido, até que todas as vagas sejam preenchidas.

O valor do salário não foi revelado, mas a Heineken informou que, após passarem por todas as etapas de seleção, os aprovados terão início imediato e contarão com benefícios como salário compatível com o mercado, vale-refeição ou restaurante no local (a depender da localidade), vale-transporte ou estacionamento (a depender da localidade), plano de saúde, seguro de vida e descontos em produtos do Grupo Heineken.

A inscrição deve ser feita neste link

Especificamente no Ceará, há 5 oportunidades nas cidades de Fortaleza e Eusébio. Conheça os cargos e funções:

Promotor trade execução (Fortaleza)

Responsável pela execução das estratégias (Fotografia de Sucesso) definidas para o canal e região nas suas lojas de atuação, garantindo a exposição e organização de nossos produtos nos clientes, assim como estabelecer um bom relacionamento e atendimento com todos os stakeholders da loja, de modo a maximizar os negócios de seus clientes e consequentemente da Heineken Brasil. Saiba mais aqui.

Operador Logística (Fortaleza)

Responsável pela contagem física e controle de estoque de movimentação de produtos, pelo atendimento às orientações do Conferente, mediante a retirada dos paletes de produtos e disponibilizando-os para os Ajudantes Internos e pelo armazenamento de paletes com vasilhames, paletes retornáveis e divisórias, nos locais próprios de armazenamento, por meio da utilização da empilhadeira seguindo as normas e políticas de segurança da empresa. Saiba mais aqui.

Supervisor Trade Execução (Fortaleza)

Responsável pela execução das estratégias (Fotografia de Sucesso) definidas para o canal e região nas suas lojas de atuação, supervisionando e desenvolvendo a equipe de promotores sob sua gestão, garantindo um bom relacionamento e atendimento com todos os stakeholders das lojas, de modo a maximizar os negócios de seus clientes e consequentemente da Heineken Brasil. Saiba mais aqui.

Supervisor Logística I (Eusébio)

Responsável pela garantia dos processos internos, inventário diário, carregamento, carga e descarga, armazenamento, FiFo/LiFo, (camban – baseado nos critérios determinados) e gestão da área de frotas. Saiba mais aqui.

Ajudante Entrega (Eusébio)

Responsável por realizar entregas de produtos e equipamentos ao cliente, realizar a retirado dos vasilhames, operar descarga e pré - carga dos materiais, orientar os motoristas em manobras, conferir a quantidade de produtos entregues, visando os resultados e metas estabelecidos pela BRK de acordo com as práticas de distribuição. Saiba mais aqui.

Trainee

A cervejaria ainda está com inscrições abertas para o programa de trainee, que recruta recém-formados (com até dois anos de conclusão do curso superior) em qualquer curso de graduação Bacharelado, Tecnólogo ou Licenciatura.

O programa tem duração de 12 meses e, para concorrer, é necessário nível de inglês intermediário, experiência profissional e disponibilidade para mudança de cidade para atuar nas diversas localidades que a empresa atua. As inscrições se encerram no dia 16 de setembro e devem ser feitas neste link.

Para os aprovados, a previsão de início das atividades é no dia 1º de fevereiro de 2022, com salário de R$7.800,00 e benefícios como PLR, vale-refeição ou restaurante no local (a depender da localidade), vale-transporte ou estacionamento (a depender da localidade), plano de saúde, seguro de vida, descontos em produtos do Grupo Heineken e cursos na Universidade Heineken.

Estágio

Há ainda 17 oportunidades para estágio disponíveis para as áreas de Sustentabilidade, Relações Governamentais, Comunicação, Qualidade, Logística e Recursos Humanos. As oportunidades estão distribuídas nas cidades de Igrejinha (RS), Itu (SP), Manaus (AM), Pacatuba (CE), Recife (PE), São Paulo (SP), e Salvador (BA).

Para se cadastrar, o estudante precisa estar matriculado em um curso de graduação bacharel, com disponibilidade de 1 a 2 anos para estagiar, morar na cidade da vaga que se candidatou, ou ter mobilidade para o deslocamento diário até o local do trabalho, além de disponibilidade para estagiar 30 horas semanais.

As inscrições vão até dia 25 de agosto, por neste link.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Só cerveja: Uma seleção especial para quem tem restrições alimentares

19:32 | Ago. 19, 2021
Autor jully Lourenço
Foto do autor
jully Lourenço Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Zero álcool e ou light, com pouco carboidrato e menos calorias. Precisa cortar o glúten? Sem problema.

 

abrir

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Mercado de seguros muda em 1º de setembro

SEGUROS
00:30 | Ago. 15, 2021
Autor Jocélio Leal
Foto do autor
Jocélio Leal Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Superintendência de Seguros Privados (Susep) mudou as regras para a operação de seguros do grupo automóvel a partir de 1º de setembro. Promete simplificar e flexibilizar o seguro auto, aumentando a inclusão e o acesso. Na lista de mudanças, existe a possibilidade de o seguro ser contratado sem a identificação exata do veículo. Desse modo, vai atrair motoristas de aplicativos e condutores que já adotam o compartilhamento de automóveis, bem como quem utiliza carros por assinatura ou alugados.

Outra: será permitido vender coberturas de casco abrangendo, de forma isolada ou combinada, diferentes riscos a que esteja sujeito o veículo segurado. E mais: será possível a contratação de coberturas de responsabilidade civil facultativa, assistência e acidentes pessoais de passageiros vinculadas ao condutor, seja quem for o proprietário do veículo. É uma revolução no mercado.

O seguro auto é uma das principais modalidades do País, responsável pela arrecadação de R$ 17,43 bilhões em prêmios no primeiro semestre do ano. O valor é 6,8% acima do registrado no mesmo período de 2020. Todavia, dados do Denatran e da Susep indicam que apenas 16% da frota de veículos no Brasil tinha cobertura de seguros em 2019. Chega a pouco mais de 33% se considerados apenas veículos com até 10 anos de fabricação.

VOO MÍOPE

ITA terá mais voos para Fortaleza

A controversa Itapemirim Transportes Aéreos terá novas frequências a partir de amanhã. Começou há pouco mais de um mês e está em 13 aeroportos, incluindo Fortaleza sede de uma base da companhia. Amanhã, começa Natal-Fortaleza e Rio de Janeiro (Galeão)-Fortaleza. Em tempo: uma semana atrás, o Sindicato dos Aeronautas já se reuniu para tratar de atrasos de benefícios e salários na empresa.

Painel da Nasdaq em Nova York celebrou o relatório da Arco(Foto: DIVULGAÇÃO)
Foto: DIVULGAÇÃO Painel da Nasdaq em Nova York celebrou o relatório da Arco

NASDAQ

Arco lança primeiro relatório ESG

A Arco Educação apresentou o primeiro Relatório ESG. Um dado: em 2020, 34% da equipe teve alguma promoção. Quanto ao gênero, as mulheres ocupam 51% dos cargos de liderança, 46% das vagas de liderança sênior e três vagas de conselheiras. Uma consultoria especializada no tema fará um diagnóstico e dará suporte a recrutamento, seleção e retenção. Hoje, a Arco tem 1,3 milhão de alunos e mais de 5 mil escolas privadas em todo o País. “Já somos por natureza uma empresa de impacto. Então passamos a medir nosso impacto na educação e aprendizagem dos alunos nos nossos colaboradores e na sociedade através das ações do instituto Arco”, disse à Coluna Ari Neto, CEO e fundador. Em tempo: a diretora do instituto Arco é a cearense Juliana Gregory Cavalcante. Formada em engenharia de computação pelo ITA e com MBA no MIT com foco em empreendedorismo, investimento de impacto e educação. Iniciou a carreira em consultoria estratégica e trabalha há 8 anos com projetos em educação com passagem pela Fundação Lemann, Nova Escola e Omidyar Network.

PESQUISA

Fortaleza é capital com cinema mais barato

Fortaleza é a capital com menor preço de ingresso de cinema: R$18,24 em média. O Cuponation, plataforma de descontos online, realizou um levantamento. Porto Velho é a capital com o tíquete mais caro do Brasil, cobrando em média R$36,63 pela unidade. Isso dá (sugestivos) 6,66% do salário mínimo (R$1.100/IBGE), caso a pessoa vá duas vezes no mês. Brasília (DF) ocupa a 4º posição (R$35,08). São Paulo aparece em 13º lugar (R$28,75) e o Rio de Janeiro em 18º, com R$27,34 por pessoa.

Renan Ciccone, diretor de marketing da Heineken(Foto: FOTO: Alexandre Virgilio)
Foto: FOTO: Alexandre Virgilio Renan Ciccone, diretor de marketing da Heineken

CERVEJA

Heineken lança Tiger com produção no Ceará

A Heineken começa a distribuir estes dias a marca Tiger no mercado do Nordeste. A marca é nova no Brasil, mas nasceu nos anos 1930 em Singapura. Está em 50 países. No País, produz em duas fábricas, Itu (SP) e Pacatuba, na Região Metropolitana de Fortaleza. O posicionamento é claro, como a garrafa: mira no mercado maisnstream puro malte, onde já está outra marca da holandesa, a Amstel. Eles não temem a canibalização.

À Coluna, o diretor de marketing da Heineken Renan Ciccone (foto) disse que a estratégia é aproveitar o momento de expansão das marcas puro malte - uma fronteira aberta pela Heineken há 11 anos - e posicionar a nova opção no mercado. Começa com garrafa de 600 ml e lata. A Tiger olha para os jovens. A distribuição, nos mesmos pontos de venda das demais marcas da empresa - ainda terá as mãos da Coca-Cola, no Ceará a Solar.

MADALENA, CE, BRASIL, 11-06-2015: Abelhas (apicultura) no sertão de Madalena. Seca no sertão cearense - Madalena. (Foto: Rodrigo Carvalho/O POVO)(Foto: O POVO)
Foto: O POVO MADALENA, CE, BRASIL, 11-06-2015: Abelhas (apicultura) no sertão de Madalena. Seca no sertão cearense - Madalena. (Foto: Rodrigo Carvalho/O POVO)

MEL

Sabor colorido

Paraná e Rio Grande do Sul disputam a liderança na produção de mel, enquanto o Piauí é o terceiro, com cerca de cinco mil toneladas/ano. O Ceará produz pouco mais da metade (2.677) e está entre os oito maiores.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Ambev cria nova unidade de negócios destinada a bebidas diferentes da cerveja

Economia
17:27 | Ago. 12, 2021
Autor Laura Beatriz
Foto do autor
Laura Beatriz Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

 

De olho em um novo nicho em crescimento, a Ambev, empresa brasileira dedicada à produção de bebidas, entre as quais cervejas, refrigerantes, energéticos, sucos, chás e água, está criando uma nova unidade de negócios chamada Future Beverages and Beyond Beer, que vai se dedicar ao desenvolvimento de bebidas alcoólicas diferentes de cerveja. A iniciativa começa com oito produtos, entre eles as bebidas mistas Beats e Isla, a hard seltzer Mike’s, e os vinhos Dante Robino, Somm e Blasfemia.

A aposta tem um motivo na sinalização que o mercado dá para a expansão dessas bebidas. Segundo a Euromonitor, provedora de pesquisa de mercado, drinks prontos para beber, sprits e vinhos devem crescer em valor 27,9%, 33,1% e 29,5%, respectivamente, entre 2020 e 2025.

Com isso, a Ambev, que responde por cerca de 60% do mercado de cervejas no Brasil, afirma em nota que a missão da nova BU é imprimir um ritmo de inovação e criação de novas categorias, além de captar novos consumidores e consumidoras que hoje ainda não são atendidos pela portfólio da Ambev.

Como chefe da unidade, a Future Beverages and Beyond Beer terá Daniela Cachich como presidente da região sul americana, profissional com sólida carreira em empresas de bens de consumo. Daniela foi vice-presidente de marketing da PepsiCo Foods Brasil por quase 5 anos, onde ficou responsável pelo portfólio de marcas de snacks como Doritos, Lays e Ruffles.

“Estou muito feliz com a chegada da Daniela, que traz competências diferentes que vão nos ajudar a criar novos produtos muito além da cerveja e encantar, com marcas inspiradoras e bebidas incríveis, novos consumidores”, ressalta, em nota, Jean Jereissati, CEO da Ambev.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags