PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Cinco pessoas são presas e três armas apreendidas durante ação em Maranguape

Enquanto rondava pela região, uma equipe recebeu denúncia de dois homens armados em determinado local. Tanto os envolvidos quanto o material apreendido foram apresentados Delegacia Metropolitana de Maranguape, da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE)

22:55 | 31/03/2021
Foram encontradas duas espingardas, um rifle e onze munições, sendo oito calibre .38 e três calibre .12 (Foto: Reprodução/SSPDS)
Foram encontradas duas espingardas, um rifle e onze munições, sendo oito calibre .38 e três calibre .12 (Foto: Reprodução/SSPDS)

Cinco pessoas foram presas por posse irregular de arma de fogo nesta terça-feira, 30, no município de Maranguape, parte da Área Integrada de Segurança 12 (AIS 12) do Ceará. Agentes do Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) e da Força Tática (FT) da Polícia Militar do Ceará (PMCE) também apreenderam duas espingardas, um rifle e 11 munições.

Enquanto rondava pela região, uma equipe recebeu denúncia de dois homens armados em determinado local. Após pedirem reforços e chegarem às proximidades do local indicado, os policiais ouviram barulhos de disparos de arma de fogo e, logo em seguida, abordaram quatro indivíduos que corriam em uma área de vegetação.

Os suspeitos foram identificados como Francisco Naelson Silva dos Santos, de 26 anos, com passagens por uso de drogas e corrupção de menor; Luiz Felipe Cabral de Souza, 24, passagem por crime contra a administração pública; Felipe Almeida de Sousa Queiroz, 22, e Francisco Jefferson Pereira dos Santos, 20, ambos sem antecedentes criminais.

Apesar de nada ilícito ter sido encontrado com o grupo, através de um quinto suspeito capturado por outra equipe — Francisco Hébert Matos de Sousa, 20, sem passagem — foi confirmada a existência de um “acampamento” nas proximidades, onde foram encontradas duas espingardas, um rifle e onze munições, sendo oito calibre .38 e três calibre .12.

Tanto os envolvidos quanto o material apreendido foram apresentados Delegacia Metropolitana de Maranguape, da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), onde um procedimento foi instaurado. Aqueles foram autuados pelo crime de posse irregular de arma de fogo e associação criminosa. A PCCE segue com as investigações para apurar a participação de outras pessoas na ação.