PUBLICIDADE
NOTÍCIA

Tio do atual prefeito de Granjeiro é preso suspeito de envolvimento na morte de João do Povo

Detalhes sobre a prisão do tio do atual prefeito serão divulgados pela Policia Civil do Estado do Ceará (PCCE) em coletiva de imprensa nesta quarta-feira, 4

20:06 | 03/03/2020
João Gregório Neto tinha 54 anos e levou três tiros enquanto caminhava no entorno do açude Junco, em Granjeiro, município distante 442,2 km da Capital.
João Gregório Neto tinha 54 anos e levou três tiros enquanto caminhava no entorno do açude Junco, em Granjeiro, município distante 442,2 km da Capital. (Foto: Reprodução/Facebook)

O tio do atual prefeito de Granjeiro, Ticiano Tomé, foi preso na tarde desta terça-feira, 3, suspeito de participar da morte de João Gregório Neto, o João do Povo, então prefeito do município. Ele foi morto no último dia 24 de dezembro. O atual prefeito e seu pai também são suspeitos.

Outros dois homens já foram presos por suspeita de envolvimento no crime. Eles foram capturados em flagrante no dia 16 de janeiro após a Polícia apreender o veículo apontado como transporte utilizado por suspeitos do crime. Apreensão foi realizada em uma revenda de veículos, em Teresina, no Piauí.

Detalhes sobre a prisão do tio do atual prefeito serão divulgados pela Policia Civil do Estado do Ceará (PCCE) em coletiva de imprensa nesta quinta-feira, 4.