Participamos do

Restaurante Popular do Crato retomou atendimento presencial nesta segunda, 18

Atendimento foi dividido em dos horários de forma a priorizar idosos, pessoas com deficiência e idosos
20:36 | Out. 18, 2021
Autor Marília Serpa
Foto do autor
Marília Serpa Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A Prefeitura de Crato, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), informou na última quarta-feira, 13, a reabertura do Restaurante Popular do município de forma presencial a partir desta segunda-feira, 18. De forma a evitar aglomerações por conta da pandemia da Covid-19, os horários de atendimento passaram a ser divididos, priorizando idosos, gestantes e pessoas com deficiência.

De acordo com a titular da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social do Crato, Ticiana Cândido, em entrevista à rádio CBN Carri, as refeições voltaram a ser oferecidas em bandejas após pedidos da população. “Passamos a ofertar o almoço servido em bandejas, pois era um desejo da população que esse atendimento retornasse, porque além de ofertar o almoço, tem também a questão da convivência comunitária. Então, retomamos através de muitos pedidos essas atividades de forma presencial", explica.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Para evitar possíveis aglomerações, o atendimento será oferecido em dois horários: das 10 às 11 horas, voltado para idosos, pessoas com deficiência e gestantes, e das 11 às 13 horas para o público em geral. O valor do prato é de R$ 2, e a refeição balanceada tem um cardápio variado com verduras, carne, arroz, suco e frutas. 

"A gente procura trabalhar em um restaurante popular ofertando uma alimentação saudável de forma a priorizar os segmentos mais vulneráveis que estão passando por diversas privações, principalmente neste período de pandemia", pontua a titular Ticiana.

Por conta da pandemia, o governo municipal ampliou o atendimento no equipamento, trabalhando com o sistema de "pegue e leve" com as marmitas, onde foram ofertadas cerca de 78 mil quentinhas, segundo Ticiana. Atualmente, por dia, são vendidos cerca de 600 pratos, e qualquer pessoa do município pode fazer uso do serviço.

Conteúdo sempre disponível e acessos ilimitados. Assine O POVO+ clicando aqui

 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags