Participamos do

Maioria dos profetas da chuva prevê bom inverno em 2022

As previsões foram feitas no 26º Encontro dos Profetas da Chuva de Quixadá, realizado na manhã deste sábado, 08. Apenas dois dos profetas afirmaram que chuvas não serão a contento
13:53 | Jan. 08, 2022
Autor Flávia Oliveira
Foto do autor
Flávia Oliveira Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Um inverno farto em 2022 é o que apontaram cerca de 10 profetas da chuva, como são chamados os homens e mulheres que, a partir das experiências herdadas de antepassados, observam os sinais da natureza e fazem previsões a respeito de como as chuvas vão acontecer no Ceará. Eram esperados 25 profetas, mas muitos desistiram de ir ao evento por estarem com sintomas gripais ou para evitar possível contágio, dada a idade avançada da maioria deles.

Única mulher entre os profetas, dona Lurdinha Leite, 83, abriu as previsões afirmando que 2022 trará um bom inverno, de acordo sua observação das pedras de sal no dia de Santa Luzia, em 13 de dezembro. "Se a pedra desmanchar toda é porque o inverno vai ser bom, e foi o que de fato aconteceu", disse.

Renato do Tapuiará também estava confiante depois de ver que as casinhas da maria-de-barro, espécie de pássaro presente na região, foram construídas com a abertura voltada contra o sentido das chuvas, indicando que a precipitação será abundante.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Ex-piloto de navio da Marinha, Luiz Gonzaga Campos, de Camocim, que preferiu se denominar pesquisador e não profeta, afirmou que, de acordo com seus estudos científicos sobre o clima, temperatura, tábua de marés e pressão atmosférica, dentre outros, a previsão é de haja mesmo um bom inverno. Já Manuel Estanislau e Josimar Pacheco foram os únicos que afirmaram que o inverno não seria bom, de acordo com os métodos de observação escolhidos por eles.

Recursos para estação tecnológica de Quixadá

Antes do evento começar, Salmito Filho (PDT) anunciou recursos de R$ 1 milhão para a transformação da estação ferroviária de Quixadá em uma estação tecnológica, com o objetivo de atrair investimentos na área de tecnologia, dada a vocação do município no setor. O deputado disse ainda que tanto o Governo do Estado quanto a Prefeitura também estão atuando para atrair a instalação de uma empresa de tecnologia, com mais R$ 2,2 milhões para a construção de um galpão.

Após a apresentação dos profetas, foram homenageados o governador Camilo Santana, representado por Salmito, também agraciado, Monica Bicalho, coordenadora de Projetos Estratégicos e Saneamento Rural da Companhia de Saneamento de Minas Gerais, o prefeito de Quixadá Ricardo Silveira, o engenheiro agrônomo José Maria Pimenta e Francisco Lopes Viana, consultor da Secretaria de Recursos Hídricos (SRH). O encontro aconteceu na Faculdade Cisne e foi realizado pelo Instituto de Pesquisa de Violas e Poesia Cultural Popular do Sertão Central, Prefeitura Municipal de Quixadá, Casa de Saberes Cego Aderaldo, Cagece e Instituto Agropolos.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags