PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Ceará reduz em 57% ocorrências de roubos a instituições financeiras

As prisões dos chefes de grupos criminosos nos últimos anos, que tinham como alvo instituições financeiras, foram fundamentais para a redução das ocorrências em território cearense

21:54 | 12/07/2021
As investigações de crimes contra instituições bancárias são conduzidas pela Delegacia de Roubos e Furtos (Foto: SSPDS/Reprodução)
As investigações de crimes contra instituições bancárias são conduzidas pela Delegacia de Roubos e Furtos (Foto: SSPDS/Reprodução)

O Ceará apresentou redução de 57% nas ocorrências de roubos a instituições financeiras. Os dados são um comparativo entre o primeiro semestre dos anos de 2021 e de 2020. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS), entre os meses de janeiro e junho de 2021, foram registradas três ocorrências, enquanto no mesmo período do ano de 2020, ocorreram sete casos.

A redução nos números teria sido obtida graças às atuações da Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) e da Polícia Militar do Ceará (PMCE), bem como de outros profissionais vinculados à SSPDS. As ações integradas, os investimentos estratégicos, e o reforço no policiamento de divisas também contribuíram de forma significativa para a redução. Além disso, o atual índice se deve ao estabelecimento das estratégias realizadas com base em dados obtidos pela Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp).

Policiamento ostensivo

O policiamento direcionado aos corredores bancários é desempenhado pelo Comando de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (CPRaio) e por equipes da Força Tática (FT) da PMCE, em ações que contam com o apoio do Sistema de Videomonitoramento da SSPDS e suas mais de 3.300 câmeras espalhadas pelo Ceará. Além disso, a PMCE atua no interior do Estado por meio do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior (Bepi) no combate às práticas ilícitas, com equipes da 1ª Companhia do 4° Batalhão (Bepi/Cotar) e da Companhia de Operações de Divisas (COD).

Investigações

As investigações de ações criminosas contra instituições bancárias são conduzidas pela Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) da PC-CE com foco na desarticulação e asfixia econômica de grupos criminosos que atuam em todo o Estado. As prisões dos chefes desses grupos nos últimos anos foram fundamentais para que a atuação diminuísse em território cearense.

Ciopaer

A Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) da SSPDS conta com bases fixas em quatro municípios – Fortaleza, Quixadá, Juazeiro do Norte e Sobral. A distribuição estratégica das bases em quatro diferentes regiões possibilita a redução do tempo de resposta da Polícia por meio da cobertura em todo o Estado.