PUBLICIDADE
Ceará
NOTÍCIA

Sistema penitenciário do Ceará vai receber cinco ônibus do Ministério da Justiça

Os veículos comportam 28 pessoas em compartimentos de cela e são equipados com ar-condicionado, sinalização acústica e Sistema de Circuito Fechado de Televisão (CFTV). A entrega será formalizada em ato simbólico em São Paulo

22:27 | 03/05/2021
Os ônibus atendem às resoluções do Conselho Nacional de Política Criminal e Segurança Pública (CNPCP) e Conselho Nacional de Trânsito (Contran) (Foto: Reprodução)
Os ônibus atendem às resoluções do Conselho Nacional de Política Criminal e Segurança Pública (CNPCP) e Conselho Nacional de Trânsito (Contran) (Foto: Reprodução)

Cinco ônibus serão entregues ao Estado do Ceará nesta terça-feira, 4, com o objetivo de aprimorar os serviços dos agentes do sistema penitenciário cearense. A doação é feita pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública e será formalizada em ato simbólico em São Paulo. O ministro da pasta, Anderson Torres, estará presente, assim como o secretário de administração penitenciária do Ceará, Luís Mauro Albuquerque Araújo.

LEIA MAIS | Cinco policiais penais, seis presos e colaboradores do sistema prisional morreram de Covid-19 no Ceará

Os veículos comportam 28 pessoas em compartimentos de cela e são equipados com ar-condicionado, sinalização acústica e Sistema de Circuito Fechado de Televisão (CFTV). Ainda, o compartimento de escolta passou por adaptações para facilitar o posicionamento dos policiais penais e o acompanhamento dos presos.

Os veículos comportam 28 pessoas em compartimentos de cela
Os veículos comportam 28 pessoas em compartimentos de cela (Foto: Reprodução)

O Ceará recebeu quatro ônibus doados pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) em 2020, distribuídos conforme o número de estabelecimentos penais, população carcerária e demanda indicada pelo estado. À época, o investimento federal foi de R$ 3.598.695,00.

LEIA MAIS | Polícia encerra festa de 15 anos que reuniria 100 pessoas em Barbalha

Os ônibus doados pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública ao Ceará atendem às resoluções do Conselho Nacional de Política Criminal e Segurança Pública (CNPCP) e Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e foram adquiridos pelo Depen com recursos do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen).