Participamos do

Alexandre Garcia ameaça deixar CNN Brasil após ter comentário bolsonarista confrontado

O jornalista politico se incomodou de ter seu argumento refutado ao vivo e declarou "não saber" se voltaria ao programa
23:35 | Mai. 06, 2021
Autor Lara Vieira
Foto do autor
Lara Vieira Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O jornalista Alexandre Garcia ameaçou deixar a emissora CNN Brasil após ter seu posicionamento a favor de Bolsonaro confrontado ao vivo. O caso ocorreu durante a exibição do telejornal "Novo Dia", na manhã desta quinta-feira, 6. Na ocasião, Alexandre expressava que o presidente Jair Bolsonaro tem “todo o direito” de emitir um decreto proibindo governadores e prefeitos de decretarem restrições de circulação para o controle da Covid-19.

LEIA TAMBÉM | Queiroga ficou na dúvida "entre ser médico ou obedecer ao Bolsonaro", diz Tasso

Confira o momento:

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

De acordo com Garcia, a edição de decretos por presidentes "está na Constituição". O posicionamento foi dado durante o quadro “Liberdade de Opinião”. Em resposta, o âncora Rafael Colombo indagou: “Mas na Constituição tem o direito à vida também, né Alexandre? Os governadores e prefeitos não estão tentando garantir o direito à vida?”.

O questionamento deixou o comentarista mudo. Passados alguns segundos sem resposta, o âncora chegou a pensar que um problema técnico tinha ocorrido e se despediu. “Valeu Alexandre, a gente volta a conversar amanhã”. No entanto, Alexandre respondeu que não sabia se voltaria ao programa no dia seguinte. 

LEIA TAMBÉM | Declarações de Bolsonaro sobre a China prejudicam liberação de insumos para a vacina, diz diretor do Butantan

De acordo com o portal Uol, em nota, a assessoria da emissora CNN Brasil informou que Alexandre Garcia continuará sua participação no quadro do telejornal.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags