PUBLICIDADE
Brasil
NOTÍCIA

Irmão comemora prisão de Sara Winter e diz que ação foi "extremamente positiva"

Diego comparou Sara a Suzane von Richtofen, e disse que as ações da irmã são movidas pelo desejo por dinheiro e fama

Ismia Kariny
14:17 | 15/06/2020
Diego afirma que as ações da irmã são movidas pelo desejo por dinheiro e fama (Foto: Facebook)
Diego afirma que as ações da irmã são movidas pelo desejo por dinheiro e fama (Foto: Facebook)

A prisão da bolsonarista Sara Winter foi comemorada pelo irmão, Diego Giromini, nesta segunda-feira, 15. Ao descobrir que a irmã foi presa pela Polícia Federal, Diego classificou a ação como “extremamente positiva” e disse que a que Sara não pode viver em sociedade, pois prejudica tudo o que toca, da família, a política e o País. As informações são do portal de notícias da Folha de S. Paulo

"Como sou brasileiro e eu quero um País melhor, a notícia foi extremamente positiva. É uma pessoa totalmente descontrolada, só quer aparecer na mídia. Não serve para nada. É uma sociopata. Ela tem a cabeça da Suzane von Richtofen", disse Diego, que é ex-atleta de MMA e hoje trabalha como motorista particular.

Sara Winter, ativista e líder do movimentos 300, é uma das investigadas no inquérito das fake news. Ela foi presa na manhã desta segunda-feira, a partir de outro inquérito, que apura a realização de atos antidemocráticos, sob relatoria também do ministro Alexandre Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

No início do mês, Sara foi expulsa do partido Democratas (DEM). Em nota, o presidente do partido afirmou que repudia de forma veemente “quaisquer atos de violência ou atentatórios ao Estado de Direito, ao Regime Democrático e às instituições brasileiras”.

Para o irmão, Sara Winter teria preparado uma estratégia para ser presa. Diego afirma que as ações da irmã são movidas pelo desejo por dinheiro e fama: "É desse jeito desde pequenininha. Ela já deve saber quantos dias vai ficar presa, vai ficar mais famosa. Ela vai querer ser chamada de presa política".