Participamos do

Acordo: tecnologia made in Ceará-Portugal

01:30 | Fev. 14, 2017
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Industriais cearenses, Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Estado (Secitece) e Sebrae fecharam acordo com o governo português para troca de experiências na área de tecnologia. Na semana passada, uma comitiva esteve em Lisboa para assinar os protocolos e viabilizar a possibilidade de parcerias que permitirão a troca de conhecimentos entre instituições e empresas.


O presidente do Conselho Temático de Inovação e Tecnologia (Cointec/Fiec), Sampaio Filho, fez parte do grupo. Ele conta que o acordo foi assinado pelo ministro de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Portugal, Manuel Heitor, e pelo presidente da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), Paulo Ferrão.

Ambos estiveram em Fortaleza, em novembro de 2016, iniciando as conversas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Com o acordo, o empresário acredita na possibilidade de criação de um novo ecossistema de inovação. A comitiva cearense visitou instituições portuguesas e analisou tipos de projetos que podem ser realizados entre a iniciativa privada e instituições como UFC, Uece, IFCE e Unifor. Um desses projetos pode ser a criação de moldes para produção de ferramentas.


BNB


AGENDA DE RENEGOCIAÇÃO

A implantação da Lei 13.340 representa um grande alívio no bolso dos agricultores. No Ceará, existem 140 mil operações sujeitas à renegociação de dívidas; na maioria dos casos são pequenos agricultores que não conseguem pagar seus compromissos. O Banco do Nordeste está organizando uma agenda para atender esses produtores.


O Superintendente Estadual do BNB, Jorge Antonio Bagdeve de Oliveira, lembra que nas operações de empréstimos entre R$ 15 mil e R$ 30 mil, os descontos são de 95%.


CENÁRIO


DE OLHO NA PREVIDÊNCIA

A semana começa com a expectativa dos encaminhamentos da reforma da Previdência. Nesse período, os líderes da Câmara dos Deputados podem definir o plano de trabalho para a tramitação do projeto do governo. Agentes do mercado apostam que a reforma deve ser aprovada ainda este semestre, com algumas negociações.

[FOTO1]

SEGURANÇA ALIMENTAR


COMITÊ CIENTÍFICO PARA FRUTAS E HORTALIÇAS

Qual a segurança da qualidade dos alimentos que você come? A Confederação da Agricultura e Pecuária (CNA) tem hoje reunião de planejamento para discutir esse assunto no Comitê Científico para Frutas e Hortaliças Seguras, do projeto Hortifruti Saber & Saúde.


O Comitê foi criado para gerar informações sobre o setor de frutas e hortaliças, e reunirá pesquisadores e representantes de governo para desenvolver soluções para os problemas do setor. Uma das questões é a ausência de informações sobre a segurança dos alimentos.


Dois empresários do Ceará participam do Comitê: Tom Prado (Grupo Técnico de Fitossanidade da CNA/Abrafrutas) e Luiz Roberto Barcelos (Abrafrutas/Comissão Nacional de Fruticultura).


EDUCAÇÃO


SALÁRIOS COM REAJUSTES MENORES

Os profissionais da educação poderão ter um gatilho nos salários para impedir o desequilíbrio das contas públicas. A proposta do senador Dalírio Beber (PSDB-SC) está sendo avaliada na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE).


O Projeto de Lei do Senado (PLS) 409/2016 pretende autorizar para União, estados e Distrito Federal a possibilidade de reajuste dos pisos dos salários nacionais pela inflação acumulada dos últimos 12 meses ou pela taxa de crescimento das receitas tributárias próprias somadas às transferências oficiais recebidas no exercício anterior.


Caso seja aprovado, a União, estados e Distrito Federal poderão ter pisos salariais com reajustes menores do que a inflação, mas sem redução nos valores nominais.

[FOTO2]

PECÉM


NOVOS EQUIPAMENTOS

Empresas de logística no Porto do Pecém comemoram a melhora da capacidade operacional do terminal. A direção da Unilink Transportes Integrados Ltda, por exemplo, informa que chegaram três novas empilhadeiras de fabricação sueca, 45 toneladas de capacidade e um guindaste com quatro cabos. Este último tem fabricação alemã e é próprio para movimentações de granéis sólidos, com capacidade para 100 toneladas.


O investimento total é de R$ 18 milhões e deve aumentar em 30% a capacidade de movimentação de granéis sólidos (minério de ferro e carvão) e placas de aço.

Com isso, também é esperada a diminuição do tempo de estadia dos navios.


ABIH-CE


BLITZ EM SÃO PAULO

Os hotéis estão trabalhando para ampliar a média de ocupação de leitos nos feriados do Carnaval e Semana Santa. Um grupo comercial da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-CE) promove até o próximo dia 17 um trabalho de apresentação dos destinos cearenses em algumas regiões emissoras de turistas de São Paulo.


HAPVIDA


PLANEJAMENTO AFINADO

Os empresários Jorge Pinheiro e Candido Júnior, responsáveis pelo grupo Hapvida, reúnem esta semana, no Hotel Gran Marquise, todo o seu time na primeira Convenção Comercial de 2017. O objetivo do encontro é afinar o planejamento deste ano para manter o crescimento.


Somos o que fazemos, mas somos, principalmente, o que fazemos para mudar o que somos” Eduardo Galeano (1940-2015), escritor uruguaio


RÁDIO

O POVO Economia , Rádio OPOVO/CBN (95.5), a partir das 14 horas. Destaque para o quadro “Sobe e desce da economia”, com o jornalista Nazareno Albuquerque.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente