Participamos do

"Sem Chance" no cage

O INCANSÁVEL JOSÉ MARIA
01:30 | Set. 21, 2018
Autor Bruno Balacó
Foto do autor
Bruno Balacó Jornalista de esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia
No auge de seus 36 anos, o lutador cearense José Maria "No Chance" (o "Sem Chance") está de volta ao mundo das lutas de olho em mais uma cinturão para sua carreira vitória no MMA. No próximo dia 6 de outubro ele sobe ao cage para enfrentar o mongólico Rentsen Otgontulga em luta que vale o cinturão do peso-mosca (até 57kg) do Ringside Unified Fighting (RUF), organização norte-americana oriunda do estado do Arizona (EUA). O duelo, que faz parte do card principal da 29ª edição do RUF, ocorrerá no Twin Arrows Casino Resort, na cidade de Flagstaff.

 

Se levar a melhor no combate, "No Chance" conquistará o 4° cinturão de sua carreira. Ele já é campeão do Limo Fight Championship (LFC), Arena Fight e do Circuito Talent. De quebra, chegará à expressiva marca de 39 vitórias na carreira. Em 48 lutas de MMA profissional, ele tem apenas oito derrotas e duas lutas sem resultado. Em entrevista à coluna, José Maria diz que chega para a luta com fôlego de garoto. "Estou muito bem preparado para esta luta. Fiz cinco meses de camp com o Henry Cejudo, que é o atual campeão peso-mosca do UFC", contou à coluna. O adversário do cearense, apesar de bem menos experiente, está invicto no MMA, com três vitórias em três lutas profissionais.

 

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

UFC SÃO PAULO

[FOTO1] 

O fim de semana reserva mais uma edição do UFC no Brasil. Pela sétima vez, a principal organização de MMA desembarca em São Paulo. A Fight Night acontece amanhã, no ginásio do Ibirapuera. O card é liderado pelo carioca Thiago Marreta, que faz duelo na categoria meio-pesado (uma acima da que está acostumado) contra Eryk Anders americano que entrou de última como substituto de Jimi Manuwa, cortado do evento por lesão. A expectativa é de mais uma vitória do brasileiro ao seu melhor estilo: por nocaute. Anders não guarda boas lembranças da última vez em que esteve no Brasil. No início do ano, lutou contra Lyoto Machida, em Belém, e acabou derrotado por pontos. 

 

Agora, retorna em combate que deve ser desenvolvido na luta em pé. O card do UFC São Paulo conta ainda com as presenças de Rogério Minotouro (que enfrenta Sam Alvey), Alex Cowboy (que encara Carlo Pedersoli) e o ex-campeão dos galos Renan Barão (que mede forças com Andre Ewell). O evento começa as 19h45min, com transmissão na íntegra pelo Canal Combate. A TV Globo exibe apenas as lutas principais.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente