Participamos do

Odontologia a serviço da estética bucal e facial

01:30 | Jul. 02, 2018
Autor O POVO
Foto do autor
O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

 

[FOTO2]

1.  A odontologia saiu de uma história ligada à mutilações, dor e perda dentária e agora virou sinônimo de estética bucal e facial, beleza e reabilitação oral do paciente. A especialidade era tão negativa que ainda hoje existem pacientes que tremem de medo e até desenvolveram fobias só de pensar em ir ao dentista.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

 

2. Só que isso mudou muito graças aos avanços tecnológicos e à implantodontia, especialidade responsável por fazer a troca de dentes danificados por próteses de titânio integradas ao osso da mandíbula ou do maxilar, que contribuíram bastante para essa nova história do setor. Não tem como ter beleza sem passar pelo dentista. 

 

É fato!

 

3. A dentista Larissa Ricarte, mestre em implantodontia, que inaugurou recentemente uma clínica, na Torre Del Paseo, em parceria com seu irmão, cirurgião plástico Dalvo Neto, diz que é possível fazer implantes de dentes com rapidez, precisão, menos dor e, dependendo do caso, com colocação da prótese, na hora.

 

4. "O paciente não chega mais ao dentista para sair sem dente, como acontecia no passado. Podemos colocar a prótese imediatamente, no mesmo dia da cirurgia. No máximo, colocamos um provisório que é de ótima qualidade", explica Larissa Ricarte.

 

5.  Na mesma cirurgia, segundo a dentista, é possível fazer enxertos ósseos e enxertos gengivais. "Contamos com materiais biocompatíveis de padrão ouro que repõem e regeneram na mesma hora. Não precisamos fazer cirurgias mutiladoras para a retirada de osso, por exemplo", comemora ela.

 

6. Os implantes dentários devolvem a função oral, de mastigação, e são capazes de melhorar a altura do terço médio da face, rejuvenescendo, melhorar a estética do sorriso, elevando a autoestima dos pacientes. "A odontologia nos ajuda a melhorar a estética facial que pode ser potencializada, após a colocação do implante, com visita ao cirurgião plástico, para aplicações de toxina botulínica (Botox) e preenchedores, na harmonização da face", conclui.

 

BATE-PRONTO

[FOTO3] 

Médico Miguel Schettini, vice-presidente do Secovimed, aborda a importância do serviço médico e odontológico que o sindicato presta a seus beneficiários, principalmente no que diz respeito à medicina preventiva.

 

O POVO - Qual o objetivo dos serviços que o Secovimed presta a seus usuários?

 

Miguel Schettini - Nosso serviço não é um plano de saúde. Somos um atendimento básico de muita qualidade, com 14 especialidades médicas, odontológica, nutricional e fisioterapia, exame de laboratórios e radiológicos, exames de admissão e de demissão e uma medicina focada em prevenção.

 

OP - Como é feita essa prevenção?

 

MS - Promovendo campanhas de conscientização durante o ano inteiro, como o Outubro Rosa e o Novembro Azul,alertando a população sobre os riscos do câncer de mama e do câncer de próstata.Realizamos exames de mamografia, ultrassonografia para o diagnóstico precoce de câncer de mama e o exame de PSA, que avalia a questão hormonal e serve de alerta para o câncer de próstata.

 

OP - Quais os principais problemas de saúde apresentados pelos quase 4.500 usuários do Secovimed?

 

MS - O diabetes, a obesidade e a hipertensão. Às vezes, uma simples consulta com as nossas nutricionistas, com elaboração de um plano alimentar, uma reeducação, o paciente já equilibra as taxas dos resultados dos exames laboratoriais.

 

galeria

[FOTO1] 

Priscila Cruz e o marido, dentista Paulo Cruz, da Clínica Adriano Abreu, no Festival Vida & Arte

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente