Participamos do

Paz afirma que Fortaleza "já já vai estar vencendo jogos" na Série A e destaca poder de fogo do Leão

Dirigente disse que poucos clubes tem q quantidade de atacantes qualificados como o Tricolor têm e disse que é o fato da bola não estar entrando no Campeonato Brasileiro é circusntancial

Mesmo com o Fortaleza tendo marcado apenas dois gols na Série A do Brasileiro em quatro jogos disputados, o presidente do clube, Marcelo Paz, saiu em defesa do setor de ataque do Leão, em coletiva concedida na tarde desta segunda-feira, 9. O dirigente ressaltou a qualidade dos jogadores de frente do Tricolor e acredita que é questão de tempo para o Leão vencer no certame.

"O Fortaleza formou um elenco com muito poder de fogo. Temos muitos atacantes de qualidade, tem deles que não estão nem jogando [...] mas você tem (jogando) o Renato Kayzer, que foi artilheiro do Athletico-PR no ano passado, e foi titular de partidas importantes (do Fortaleza), nos últimos jogos tem entrado; o Romero já tem nove gols, Kayzer tem três gols, Moisés tem seis, Pikachu é ala, mas está sempre entrando ali (na área) e tem dez gols. É uma questão de momento, de circunstância, de adversário. Sempre falo isso, tem um adversário do outro lado, que também quer ganhar, que vem preparado, tem seus objetivos, também busca”, disse Paz.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O dirigente afirmou que acredita plenamente numa reação do Fortaleza na competição justamente pela confiança que tem no elenco do Leão e no treinador argentino Juan Pablo Vojvoda. "Eu confio muito no trabalho que está sendo feito, na comissão técnica, no poder de fogo da equipe, do ataque. Temos ótimos atacantes, tem muitos elencos que não tem a quantidade de bons atacantes que nós temos. Então é tempo", garante.

Paz não deixou de citar o desgaste físico causado pelo calendário cheio e com longas viagens atrapalham, mas disse que a primeira vitória na Série A pode estar bem perto. “Eu falo aqui, de peito aberto, que já já a gente vai estar vencendo jogos. Pode ser domingo, contra o Botafogo; depois vem sequência de três jogos em casa, contra Fluminense, Juventude e o Clássico. Então, é todo um contexto", finalizou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar