Participamos do

Vojvoda admite que Fortaleza sentiu os dois primeiros gols do Flamengo, mas evita comentar falhas

Técnico argentino defendeu os jogadores, no entanto, alegando que eles correram até o fim. Ele também citou que a bola parada que ajudou contra o Fluminense acabou punindo diante do Flamengo
23:49 | Out. 09, 2021
Autor Brenno Rebouças
Foto do autor
Brenno Rebouças Repórter
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Fortaleza sentiu os dois primeiros gols contra o Flamengo e por isso acabou derrotado por 3 a 0 no Castelão. Esta foi a avaliação do técnico do Tricolor, Juan Pablo Vojvoda. Na coletiva pós-jogo, o argentino admitiu que houve falhas, mas avistou comentar sobre elas e defendeu o grupo.

“Foram cinco minutos em que o Flamengo, através de duas bolas paradas, conseguiu vantagem (no placar) e é muito difícil diante de um adversário como o Flamengo, que conseguiu dois gols em cinco minutos... é muito duro para o espírito do time. Apesar disso, o grupo seguiu lutando, com dez homens, seguiu correndo muito e acredito que meus jogadores seguem muito fortes quanto ao espírito e na parte mental", analisou Vojvoda.

O comandante do Leão lembrou que, da mesma forma que a bola parada puniu contra o Flamengo, ajudou contra o Fluminense e garantiu que o foco já está no próximo jogo, quarta-feira, 13, contra o Grêmio, novamente no Castelão.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Nós ganhamos partidas de escanteio, como contra o Fluminense. Hoje, perdemos com um escanteio e uma falta frontal, é futebol. Temos outra partida em quatro dias e temos que nos recuperar rapidamente para conseguir lutando por nossos objetivos", prega Vojvoda.

Acontece que o Fortaleza não vence como mandante desde a 13ª rodada da Série A, quando bateu o Red Bull Bragantino. Questionado sobre o assunto, o treinador argentino fez silêncio e resolveu apenas prometeu trabalho.

"Vamos trabalhar para poder voltar a ganhar no Castelão, é o nosso objetivo. Vamos trabalhar muito para conseguir seguir com nosso caminho", disse.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags