Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Fortaleza perde invencibilidade como mandante na Série A após derrota diante do Atlético-MG 

Tricolor do Pici possuía seis vitórias e três empates jogando em casa, mas teve quebrada sequência sem perder no Castelão com o revés para o Galo por 2 a 0 neste domingo, 12
19:42 | Set. 12, 2021
Autor Iara Costa
Foto do autor
Iara Costa Repórter do caderno de Esportes
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Com a derrota por 2 a 0 diante do Atlético-MG, o Fortaleza perdeu a invencibilidade como mandante que possuía na Série A do Brasileirão. Nas 20 rodadas disputadas, o Leão jogou dez partidas em casa. Dessas, o time venceu seis vezes, empatou outras três e sofreu o primeiro revés no Castelão neste domingo, 12.

Os triunfos ocorreram diante do Internacional (5 a 1), Sport (1 a 0), Chapecoense (3 a 2), América-MG (4 a 0), Corinthians (1 a 0), RB Bragantino (1 a 0). Já os empates foram conquistados contra o Fluminense (1 a 1), Santos (1 a 1) e Cuiabá (0 a 0). Dois dos três empates ocorreram nas últimas cinco rodadas, as quais o Leão não conseguiu emplacar nenhuma vitória, dentro ou fora de casa. 

Com o resultado negativo deste domingo, 12, além de perder a invencibilidade como mandante, o Fortaleza de Vojvoda chega a cinco jogos sem vencer no Brasileirão. São dois reveses, nas rodadas 20 e 19, e três igualdades somadas nas rodadas 16, 17 e 18. Com a própria derrota e vitória do Flamengo diante do Palmeiras, o Tricolor do Pici cai para a 4ª posição na tabela com 33 pontos.

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Tiroteio na Barra do Ceará deixa um morto e um ferido na Vila do Mar

VILA DO MAR
19:41 | Set. 12, 2021
Autor Gabriel Borges
Foto do autor
Gabriel Borges Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Um homem morreu e outro ficou ferido após uma troca de tiros no calçadão do Vila do Mar, na Barra do Ceará. O crime aconteceu na tarde deste domingo, 12. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a vítima que morreu era um homem de 25 anos que foi lesionado por arma de fogo. Tiroteio teria acontecido próximo à rua 6 Companheiros. O corpo foi encontrado no calçadão da região, nas proximidades da quadra de esportes do local.

O outro homem, que foi socorrido e levado para o hospital, também apresentava lesão ocasionada por uma bala. De acordo com a SSPDS, a Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) foi acionada e colheu indícios que auxiliarão nas investigações. Um inquérito policial foi instaurado na 8ª Delegacia do DHPP, que investiga o caso.

No último sábado, 11, alguns vídeos circularam nas redes sociais mostrando criminosos exibindo armas e fazendo pichações com a sigla de uma facção oriunda do Ceará. O vídeo teria sido gravado no Morro Santiago, na Barra do Ceará. Nas imagens, os criminosos mostravam a invasão ao território da facção que domina aquele trecho do bairro.

A polícia pede a contribuição da população durante as investigações do ocorrido. Informações podem ser passadas pelo número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.

De acordo com a SSPDS, as denúncias também podem ser encaminhadas pelo telefone 3257.4807, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que também é o número do WhatsApp. A polícia garante o sigilo e o anonimato dos que desejarem colaborar.

LEIA TAMBÉM| Ceará apresenta cenário de maior controle desde o início da pandemia, diz Sesa

LEIA TAMBÉM| Praia do Futuro tem movimentação intensa neste domingo; frequentadores se dizem seguros com vacina

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Barroso diz que sistema eletrônico é seguro: não temos preocupação

POLÍTICA
19:38 | Set. 12, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia
O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, garantiu que o sistema eletrônico eleitoral é "absolutamente seguro". "O sistema está em aplicação desde 1996 e jamais documentou qualquer tipo de fraude", afirmou, em entrevista coletiva de imprensa, após acompanhar testes de integridade feitos em eleições fora de época para escolher os prefeitos de duas cidades no interior do Rio.
Esse tipo de teste já é feito em cada eleição, com participação de representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do Ministério Público (MP) e dos partidos políticos, mas, pela primeira vez, o processo foi transmitido ao vivo, pelo canal do Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ) no YouTube. Há um esforço maior, por parte da Justiça Eleitoral, de demonstrar a idoneidade do sistema de votação, por causa das alegações do presidente da República e possível candidato à reeleição, Jair Bolsonaro, que, sem provas, vem lançando suspeitas de fraudes.
O presidente do TSE aproveitou para detalhar aspectos do sistema de votação que garantiriam a segurança do processo, como o fato de que as urnas eletrônicas não são conectadas à internet ou a qualquer rede. Os dados da votação de cada unidade são gravados num "pen drive", que então é levado a um computador do TRE de cada Estado para, daí, ser transmitido aos computadores do TSE que consolidam os votos, em Brasília. Depois de encerrada a votação, cada urna imprime um boletim com o resultado dos votos computados na unidade, antes de ser retirado o "pen drive" para a ser levado à transmissão.
Assim, segundo Barroso, não é possível um ataque "hacker" via internet interferir nos dados computados diretamente em cada urna. Isso teria que ser feito no processo de transmissão, que é criptografada. Mesmo assim, qualquer alteração produziria resultados em desacordo com aqueles computados em cada boletim impresso pelas urnas. Bastaria consolidar a soma de todos os boletins impressos, e confrontá-los com o resultado obtido nos dados transmitidos pela rede do TSE, para auditar a votação.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Boulos tem pré-candidatura ao governo de SP aprovada em congresso do PSOL

POLÍTICA
19:38 | Set. 12, 2021
Autor Agência Estado
Foto do autor
Agência Estado Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia
Segundo colocado na disputa à Prefeitura de São Paulo no ano passado, Guilherme Boulos teve sua pré-candidatura aprovada em congresso estadual do PSOL neste domingo, 12, para concorrer ao governo paulista nas eleições de 2022.
Apesar da derrota no segundo turno para o ex-prefeito Bruno Covas (PSDB), o feito de ter alcançado 41% dos votos válidos e desbancar o candidato petista Jilmar Tatto, até então representante da principal força política de esquerda na cidade, deu ao coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST) força para concorrer como um candidato competitivo no ano que vem.
O psolista está no centro da articulação política de apoio ao PT nas eleições do ano que vem, embora uma ala da sigla ainda seja reticente em não ter candidato próprio no primeiro turno da corrida presidencial para estabelecer uma aliança em torno da eventual candidatura do ex-presidente Lula. O deputado federal Marcelo Freixo (PSB) deixou o PSOL para construir mais facilmente um acordo nacional entre os petistas e setores progressistas.
A pré-candidatura de Boulos em São Paulo, porém, deverá ser discutida com o PT, que estuda lançar o ex-prefeito Fernando Haddad no pleito pelo Palácio dos Bandeirantes. Após ser eleito pelo diretório estadual, Boulos mencionou a importância de construir uma unidade de forças progressistas de esquerda para fazer frente tanto a Bolsonaro no plano nacional quanto aos tucanos na esfera estadual. O PSDB governa São Paulo há 26 anos, ininterruptamente, com exceções de vice-governadores que assumiram o mandato para que Geraldo Alckmin (PSDB) disputasse a Presidência.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Vojvoda aprova atuação do Fortaleza em derrota para Atlético-MG e cobra melhora em finalizações

Palavra do mister
19:28 | Set. 12, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Em entrevista coletiva após a derrota por 2 a 0 para o Atlético-MG, neste domingo, 12, na Arena Castelão, pela 20ª rodada da Série A, o técnico do Fortaleza, Juan Pablo Vojvoda, aprovou a atuação da equipe, destacou a qualidade do rival e apontou a necessidade de melhoria na pontaria nas finalizações em meio à sequência de seis jogos seguidos sem vencer.

Após um primeiro tempo equilibrado, o Galo selou a vitória na segunda etapa: Zaracho abriu o placar após jogada trabalhada de Hulk e Vargas, e Junior Alonso ampliou a vantagem após cobrança de escanteio de Nacho Fernández. O Tricolor tentou pressionar na reta final, mas deu pouco trabalho para o goleiro Everson.

"Foi um primeiro tempo em que o Fortaleza teve um nível muito similar ao adversário, que tem muita qualidade. O Fortaleza sustentou essa qualidade mediante intensidade e também forçando e criando situações de gol, não muitas, o adversário tampouco criou muitas chances de gol. No segundo tempo, o gol do adversário foi muito cedo, aos três minutos, em uma boa jogada coletiva, e o segundo gol em uma bola parada que não defendemos bem. Estou conforme com o rendimento do time. Nesta derrota, estou conforme. A sensação é boa", analisou o treinador.

O revés diante dos mineiros foi o primeiro resultado negativo do Leão como mandante na atual edição do Brasileirão. Após a quinta partida seguida sem vitória na competição, a equipe do Pici foi ultrapassada pelo Flamengo-RJ e caiu para a quarta posição.

"Hoje não tivemos transições ofensivas, o adversário não deu espaço para ter transições ofensivas", pontuou Vojvoda. "É um adversário que nos fez um dano em uma boa jogada coletiva, mas nós também temos que melhorar na zona de finalização", completou o comandante.

O setor ofensivo, aliás, virou motivo de alerta para o treinador argentino. Com a seca de gols dos atacantes e o placar em branco diante do Atlético-MG, Vojvoda reconheceu a obrigação de maior precisão nos arremates a gol para retomar o caminho dos triunfos.

"A confiança da equipe vai seguir alta. A equipe sabe que tem que melhorar na zona dos metros finais, o time tem que trabalhar para conseguir o gol, fazer mais situações de gols e converter, com mais determinação nesses metros finais. Trabalharemos para melhorar nesse aspecto", frisou.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Barroso reafirma segurança de urnas eletrônicas durante testes no RJ

Justiça
18:43 | Set. 12, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, garantiu a segurança da votação através de urnas eletrônicas. Ele acompanhou, neste domingo (12), a auditoria da votação eletrônica dos pleitos suplementares no estado do Rio de Janeiro, nos municípios de Silva Jardim e Santa Maria Madalena.

“O sistema é absolutamente seguro. Ele está em aplicação desde 1996 e jamais se documentou qualquer tipo de fraude. De modo que nós não temos preocupação nessa matéria. Porém, é fato que criou-se, na minha visão artificialmente, numa pequena minoria da população, algum grau de desconfiança. E, portanto, as instituições públicas devem ser responsivas às demandas da sociedade. Portanto, nós aumentamos a interlocução com a sociedade para demonstrar a transparência, segurança e auditabilidade do sistema”, disse o presidente do TSE.

Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Barroso foi perguntado pelos jornalistas, durante coletiva de imprensa, sobre os últimos acontecimentos na área política, envolvendo o presidente Jair Bolsonaro, mas evitou entrar em detalhes: “Eu só respondo as questões institucionais. As pessoais, eu trato com absoluta indiferença. O resto é política, não me interessa”, concluiu o ministro.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags