Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Diante do São Paulo, Fortaleza defende sequência invicta contra paulistas na temporada

Em cinco jogos nas competições de 2021, Leão do Pici conseguiu quatro vitórias e um empate contra times de São Paulo. Duelo pela Copa do Brasil será na próxima quarta-feira, 25
11:18 | Ago. 24, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Repórter de Esportes
Tipo Notícia

Além de tentar abrir vantagem no duelo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, o Fortaleza encara o São Paulo na próxima quarta-feira, 25, às 21h30min, no Morumbi, com outro fator em jogo: a invencibilidade diante das equipes paulistas na temporada 2021.

O Tricolor já enfrentou cinco times do Estado de São Paulo nas competições deste ano e não foi derrotado. Em cinco jogos, todas pelo Campeonato Brasileiro, o time do Pici conseguiu quatro vitórias e um empate - aproveitamento de 86,7%.

A primeira vítima foi o Corinthians-SP, por 1 a 0, em 11 de julho, na Arena Castelão. Seis dias depois, o Leão bateu o próprio São Paulo também por 1 a 0, no Morumbi. A trinca foi fechada com novo triunfo pelo placar mínimo sobre o RB Bragantino-SP, no dia 25, novamente dentro de casa.

Já neste mês de agosto, o Fortaleza derrotou o Palmeiras-SP por 3 a 2, no último dia 7, no Allianz Parque, e ficou no 1 a 1 com o Santos-SP, no dia 15, no Castelão.

De volta ao Morumbi, o Tricolor tentará manter o retrospecto positivo da temporada em busca de uma vaga na semifinal do torneio nacional. A vitória sobre o São Paulo pela Série A, aliás, foi o primeiro resultado positivo da equipe do Pici como visitante no confronto.

A partida de volta entre o Leão e o time do Morumbi será no dia 15 de setembro, às 21h30min, na Arena Castelão.

Jogos contra times paulistas na temporada 2021:

  • Fortaleza 1x0 Corinthians-SP - Série A
  • São Paulo 0x1 Fortaleza - Série A
  • Fortaleza 1x0 RB Bragantino-SP - Série A
  • Palmeiras-SP 2x3 Fortaleza - Série A
  • Fortaleza 1x1 Santos-SP - Série A

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Sem Arboleda, São Paulo pode manter linha de quatro defensores contra Fortaleza

Desfalque na zaga
10:22 | Ago. 24, 2021
Autor Gazeta Esportiva
Foto do autor
Gazeta Esportiva Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O técnico Hernán Crespo pode seguir apostando em uma primeira linha com quatro defensores no duelo desta quarta-feira, contra o Fortaleza, pela ida das quartas de final da Copa do Brasil, no estádio do Morumbi, devido à nova lesão sofrida por Arboleda, a 33ª do elenco na atual temporada.

O zagueiro equatoriano foi diagnosticado com uma contratura na coxa direita no último dia 29 de julho. Arboleda voltou a atuar no jogo de ida das quartas de final da Copa Libertadores, contra o Palmeiras, dia 10 de agosto, mas foi substituído no intervalo alegando “insegurança física”. Na partida de volta, ele novamente foi a campo, atuando 90 minutos, mas neste fim de semana, contra o Sport, voltou a ser desfalque devido a um problema na mesma região.

A tendência é que Arboleda desfalque o São Paulo nos próximos jogos para se recuperar plenamente da nova lesão na coxa direita. Com isso, o Tricolor pode seguir atuando com uma linha com quatro defensores ou acionar Bruno Alves na vaga do equatoriano.

Nos últimos jogos o São Paulo vem alternando entre o esquema com três zagueiros e a primeira linha com quatro defensores. Contra o Grêmio, por exemplo, Diego Costa, Miranda e Bruno Alves foram os escolhidos de Hernán Crespo. Já na decisão contra o Palmeiras, na última terça-feira, o Tricolor ora se dispunha em campo no esquema 3-5-2, ora no 4-4-2.

No último domingo, contra o Sport, mais uma vez o técnico Hernán Crespo acabou optando por uma linha de quatro defensores, mas no sistema 4-3-3. Daniel Alves, Bruno Alves, Miranda e Léo foram os escolhidos para compor a retaguarda tricolor e não decepcionaram, saindo de campo sem ser vazado na Ilha do Retiro.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Polivalente, lateral-direito Tinga completa 200 jogos pelo Fortaleza

Marca histórica
10:18 | Ago. 24, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O empate em 1 a 1 com o Juventude-RS, no último sábado, 21, no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, pela 17ª rodada da Série A, foi histórico para o gaúcho Tinga: o lateral-direito e agora zagueiro de 27 anos, que está na segunda passagem pelo Pici, chegou à marca de 200 jogos com a camisa do Fortaleza. O levantamento foi realizado pelo jornalista Luca Laprovitera.

Cria da base do Grêmio-RS, o camisa 2 passou pelo Leão pela primeira vez em 2015, quando disputou 31 partidas e conquistou o título do Campeonato Cearense. O desempenho também levou o jogador a ser convocado pela seleção brasileira para os Jogos Pan-Americanos de Toronto, em que ganhou a medalha de bronze.

Tinga passou por Juventude-RS e Bahia antes de retornar ao Tricolor em 2018. Desde então, sempre com status de titular, comemorou a conquista da Série B (2018), da Copa do Nordeste (2019) e do tricampeonato estadual (2019, 2020 e 2021). No total, foram 18 gols anotados ao longo de cinco temporadas.

Sob comando de Juan Pablo Vojvoda, o lateral passou a atuar como zagueiro na linha de três defensores e mostrou boa adaptação à função, sendo o segundo jogador do elenco com maior minutagem no Campeonato Brasileiro: 1.454 minutos em campo, atrás apenas de Marcelo Benevenuto.

Há pouco mais de dois meses, o clube anunciou a renovação de contrato do camisa 2 até o final de 2023. "Estou muito feliz, aqui é a minha segunda casa. Como sempre falo para todo mundo, o Fortaleza é um lugar onde me sinto melhor e me sinto tão bem. É um clube que eu amo tanto dentro e fora de campo. Vi como o clube melhorou e cresceu na questão da estrutura, dentro e fora de campo. Então, estou muito feliz de fazer história e espero continuar fazendo", comemorou à epoca.

Com Tinga mais uma vez titular, o Fortaleza enfrenta o São Paulo na próxima quarta-feira, 25, a partir das 21h30min, no Morumbi, no duelo de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

Jogos de Tinga no Fortaleza por temporada:

  • 2015: 31 jogos
  • 2018: 49 jogos
  • 2019: 43 jogos
  • 2020: 43 jogos
  • 2021: 34 jogos
  • Total: 200 jogos

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Baixa de Benevenuto na Copa do Brasil faz Fortaleza ter novo trio de zaga contra São Paulo

Duelo tricolor
00:30 | Ago. 24, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A retomada da disputa da Copa do Brasil no calendário do Fortaleza significa um desfalque certo para o técnico Juan Pablo Vojvoda: o zagueiro Marcelo Benevenuto, que já atuou na atual edição do torneio pelo Botafogo-RJ. A ausência na defesa força o comandante a escalar um novo trio de zaga diante do São Paulo, amanhã, às 21h30min, no Morumbi, pelas quartas de final do torneio.

Benevenuto é o jogador mais assíduo do Fortaleza no Campeonato Brasileiro e foi titular em todas as 17 rodadas. Portanto, desde que o treinador argentino fixou o 3-5-2 e definiu um time-base, o camisa 5 só não atuou nos confrontos do mata-mata nacional — os duelos contra o Ceará, pela terceira fase, e CRB-AL, pelas oitavas de final.

Em cada Clássico-Rei, no início de junho, o Tricolor teve uma peça diferente ao lado de Tinga e Titi. No empate em 1 a 1, o escolhido foi o lateral-esquerdo Bruno Melo, que atuou pelo lado esquerdo do setor e deixou o zagueiro de ofício mais centralizado. Já no triunfo por 3 a 0, a função ficou a cargo do volante Matheus Jussa.

Nas duas vitórias (2 a 1 e 1 a 0) sobre o Galo da Pajuçara, o Leão teve outro zagueiro de ofício na vaga de Benevenuto: Jackson foi escolhido como titular e fez o papel de líbero. A opção pelo camisa 4, inclusive, deixou claro o cenário na disputa por posição na defesa e motivou o zagueiro Juan Quintero a buscar novos rumos — o colombiano foi emprestado ao Juventude-RS.

Nessas quatro partidas da Copa do Brasil, o Fortaleza levou dois gols: um do Vovô e outro do time alagoano. Além das formações diferentes na defesa, também houve troca na meta. Felipe Alves disputou as duas partidas contra o Alvinegro, enquanto Marcelo Boeck foi o goleiro diante do CRB-AL.

Para o confronto de ida contra o time paulista, Vojvoda deve optar por Jackson ou Matheus Jussa. O estilo técnico do zagueiro agrada ao treinador, enquanto o perfil marcador do volante pode ser valorizado para o embate fora de casa. No empate em 1 a 1 com o Juventude-RS, no último sábado, 21, pela Série A, Jussa ocupou o posto de Titi, poupado, e formou trio com Tinga e Marcelo Benevenuto.

Além de Titi, o meia Matheus Vargas também foi preservado da maior parte do jogo em Caxias do Sul (RS) visando a Copa do Brasil e deu lugar a Romarinho no setor de armação. A dupla retorna à equipe na companhia do ala-direito Yago Pikachu, que cumpriu suspensão automática e foi substituído por Bruno Melo — Lucas Crispim passou para a faixa direita do campo.

"Eu sempre me entrego ao máximo e como o Vojvoda sempre pede para ser intenso no quesito de marcação, para não dar espaço para o adversário, essa função acaba me exigindo e acabo chegando menos no ataque, mas sempre em benefício à equipe. Nunca vou pensar somente no Matheus Vargas, e sim no Fortaleza", disse o próprio camisa 96.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

FutCast #171 - Fortaleza favorito na Copa do BR? | Vina vai deslanchar no 2º turno?

19:50 | Ago. 23, 2021
Autor O Povo
Foto do autor
O Povo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O FutCast desta semana repercute os desempenhos de Ceará e Fortaleza na 17ª rodada do Brasileirão e já projeta o confronto do Tricolor do Pici diante do São Paulo pelas quartas de final da Copa do Brasil. Entre os temas abordados, o favoritismo do Leão no duelo contra os paulistas, a problemática dos pênaltis no Pici, a retomada de Vina diante do Flamengo e as escolhas de Guto Ferreira e Juan Pablo Vojvoda.

Com apresentação de Lucas Mota e comentários de Thiago Minhoca, Gerson Barbosa e Afonso Ribeiro, o grupo analisa os principais episódios do futebol cearense no FutCast.

Veja abaixo o episódio 171 completo:

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Matheus Vargas mira Copa do Brasil e vê Fortaleza "preparado para fazer história"

Camisa 96
16:46 | Ago. 23, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Às vésperas do duelo de ida contra o São Paulo, na próxima quarta-feira, 25, às 21h30min, no Morumbi, pelas quartas de final da Copa do Brasil, o meia Matheus Vargas avisa que o Fortaleza está preparado para fazer história e projeta duelo difícil na capital paulista pela característica do torneio.

O confronto pelo mata-mata nacional será o segundo encontro entre as equipes na atual temporada. Em julho, o Leão bateu o Tricolor do Morumbi por 1 a 0, pela Série A, com gol de Robson. Desta vez, em busca de uma vaga na semifinal, o camisa 96 prevê partida equilibrada e com a equipe mandante de olho em reação após eliminação da Copa Libertadores.

"Com certeza será mais difícil, até porque, quando se trata de Copa do Brasil, os jogos são mais intensos e competitivos, até pela competição. Sabemos que o São Paulo vem de uma eliminação na Libertadores e não quer outra eliminação, então temos que estar preparados para não sermos surpreendidos", alertou o meia.

"A Copa do Brasil é um campeonato muito bom de se jogar, até por ser fase mata-mata. Acredito que a motivação vai ser grande. A gente está focado no que deve fazer. Como o Juan (Pablo Vojvoda) fala, a gente está se preparando para chegar lá e fazer uma grande partida no Morumbi", completou.

Nos últimos dois compromissos, o Tricolor do Pici empatou em 1 a 1 com Santos-SP e Juventude-RS e desperdiçou penalidade nos minutos finais em ambos. Vargas assegura que a parte psicológico não sofrerá influência pelos resultados e pede que a equipe siga em evolução na temporada.

"O time está preparado para fazer história. Desde quando começou o Brasileiro, a gente colocou na cabeça que esse seria um ano de fazer história e não está sendo diferente. A cada partida, a gente está em uma crescente muito grande, evoluindo. Estamos vindo de dois empates que poderíamos, pelo menos em um, ter saído com a vitória, então é trabalhar, seguir com os pés no chão e ir em busca de fazer história no Fortaleza", ponderou.

Os pênaltis, inclusive, podem ser decisivos na Copa do Brasil em caso de igualdade nos jogos. No Brasileirão, o Fortaleza já perdeu três cobranças. Matheus Vargas reconhece que o fundamento será trabalhado com maior ênfase, mas assegura foco no primeiro confronto para tentar abrir vantagem na disputa.

"A gente tem que continuar trabalhando, treinando as penalidades. Mas o foco agora não é nas penalidades, até porque a gente vai jogar o primeiro jogo ainda. O foco é fazendo um grande jogo e, quem sabe, sair com o resultado positivo para jogar em Fortaleza com a vantagem", afirmou o jogador.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags