PUBLICIDADE
Clube de Regatas Flamengo
NOTÍCIA

Rogério Ceni evita culpar o gramado e analisa empate

Treinador afirmou que o Rubro-Negro produziu abaixo do esperado e destacou qualidade defensiva do Fortaleza

11:57 | 27/12/2020
Ceni tentará sua 1ª vitória no comando do Flamengo em jogo contra Coritiba, hoje, às 19 horas, pelo Brasileirão. Onde assistir ao vivo à transmissão e a provável escalação (Foto: Alexandre Vidal/ Divulgação)
Ceni tentará sua 1ª vitória no comando do Flamengo em jogo contra Coritiba, hoje, às 19 horas, pelo Brasileirão. Onde assistir ao vivo à transmissão e a provável escalação (Foto: Alexandre Vidal/ Divulgação)

O reencontro de Rogério Ceni com o Fortaleza não foi bom para o Flamengo. O clube carioca teve uma atuação pífia e ficou no empate sem gols, neste sábado, no Castelão, pelo Campeonato Brasileiro. Ceni evitou culpar o gramado do estádio — os jogadores escorregaram ao longo da partida e Pedro caiu na cobrança de pênalti, no primeiro tempo, e deu dois toques na bola, invalidando o lance.

"Não adianta depois de um empate querer analisar o gramado. Produzimos abaixo do que esperávamos. Então o gramado fica sendo parte secundária. Interferiu diretamente, talvez, na batida de pênalti do Pedro, que ele escorregou e deu dois toques na bola. Mas fica secundário perto do resultado. Não adianta usar o gramado como desculpa", analisou Rogério Ceni.

O técnico do Flamengo analisou o desempenho do time e avaliou que, individualmente, o Rubro-Negro não conseguiu render como esperava, além de destacar a forma como o Fortaleza se defendeu.

"Talvez se fizéssemos gol no primeiro tempo, naquele final, pudéssemos abrir mais o Fortaleza, eles sairiam mais para o ataque. Fortaleza é uma equipe que se defende bem, trabalha em linhas próximas, 4-4-2 bem claro. Talvez individualmente não tivemos produção normal. Homens de frente bem marcados, não tiveram muito espaço. As oportunidades claras que surgiram nós não pudemos concluir. Tivemos o controle do jogo, domínio da partida, mas não conseguimos o gol nas poucas oportunidades claríssimas que apareceram. Infelizmente a bola hoje não entrou. E aí você, logicamente, tem análise sempre um pouco mais pessimista do que você apresentou", acrescentou.

Flamengo mais distante do líder
Com o empate com o Fortaleza, o Flamengo perdeu uma posição na tabela de classificação do Brasileiro e viu a diferença para o líder aumentar. O Atlético-MG, que venceu o Coritiba, roubou a segunda colocação do Rubro-Negro. O Galo também tem 49 pontos, mas leva vantagem por ter uma vitória a mais.

Já o líder São Paulo venceu o Fluminense e agora tem sete pontos de frente para o Flamengo. O clube carioca tem um jogo a menos em relação ao rival paulista e ao Atlético-MG.

O Flamengo tem 49 pontos e está na terceira colocação. Na próxima rodada do Brasileirão, no dia 6, o Rubro-Negro tem pela frente o Fluminense, no Maracanã.