PUBLICIDADE
Ceará Sporting Club
NOTÍCIA

Apesar de "frango", Prass tem números positivos e é o goleiro com mais defesas na Série A

Ele é o goleiro com mais defesas do Brasileirão, com 56, segundo os dados do Sofascore. O arqueiro divide a liderança com Wilson, do Coritiba, com mais defesas dentro da área, 31

Lucas Mota
17:56 | 13/10/2020
´Fernando Prass tem números positivos na Série A (Foto:  MARCOS BEZERRA/AE)
´Fernando Prass tem números positivos na Série A (Foto: MARCOS BEZERRA/AE)

O goleiro Fernando Prass viveu momento infeliz no primeiro tempo do jogo entre Ceará e Corinthians, no Castelão, pela 15ª rodada da Série A. Quando a partida estava empatada em 0 a 0, o arqueiro falhou e sofreu um "frango" no arremate de Léo Natel, que abriu o marcador. O lance rendeu críticas imediatas ao experiente guarda-metas do Alvinegro do Porangabuçu, nas redes sociais.

Entretanto, o jogador tem crédito no gol do Vovô. Os números de Prass na Série A são positivos. Ele é o goleiro com mais defesas do Brasileirão, com 56, segundo os dados do Sofascore. O arqueiro divide a liderança com Wilson, do Coritiba, com mais defesas dentro da área, 31.

+ No Ceará, Sobral agradece a Guto: "Foi um cara que somou muito nessa minha evolução"

Apesar de oscilação e falhas em algumas partidas, Prass tem tido atuações decisivas pelo clube. Bastante exigido, o goleiro já foi responsável por manter o gol protegido e assegurar resultados positivos para o Ceará.

Em 15 partidas disputadas no Brasileirão, o arqueiro tem média de 3.7 defesas por jogo, com 73% de aproveitamento. Em cinco duelos, Prass não sofreu gols. Ele passou em branco nas vitórias sobre o Bahia, Atlético-GO, Fortaleza e Flamengo e no empate com o Athletico-PR.

Além do Brasileirão, ele fez partidas decisivas pelo Ceará no Campeonato Cearense, na Copa do Nordeste e na Copa do Brasil.

O camisa 1 do Alvinegro defendeu dois pênaltis contra o Oeste, na segunda fase da Copa do Brasil, e garantiu a classificação da equipe. Na mesma competição, ele foi bastante acionado na partida da ida contra o Brusque, na quarta etapa da competição, e fez defesas que asseguraram o triunfo do Vovô por 2 a 0.

Na Copa do Nordeste, o arqueiro também deu conta do recado na campanha invicta do Ceará até o título.