Termo de Uso Política de Privacidade Política de Cookies Conheça O POVO Trabalhe Conosco Fale com a gente Assine Ombudsman
Participamos do

Governo de São Paulo planeja liberar volta do público aos estádios a partir de 1º de novembro

Estado prevê atingir vacinação de 90% da população no penúltimo mês de 2021 e pretende liberar presença de torcedores nos jogos de futebol dos clubes paulistas
Autor - Gazeta Esportiva
Foto do autor
- Gazeta Esportiva Autor
Tipo Noticia

O Governo do Estado de São Paulo anunciou nesta quarta-feira que planeja liberar o retorno do público aos estádios de futebol a partir do dia 1º de novembro . No entanto, de início deve haver controle no número de torcedores e cuidados sanitários ainda deverão ser obrigatórios.

Estádios, assim como eventos, shows e pistas de danças voltarão a ter comercialização de ingressos. Os cuidados sanitários para o retorno das torcidas para as arquibancadas são: uso obrigatório de máscara em qualquer ambiente, respeito aos protocolos de higiene, distanciamento e 100% da população adulta presente com o esquema vacinal completo.

"A partir do dia 1º de novembro, nós teremos o segundo marco muito importante: 100% dos adultos do nosso estado terão acesso ao esquema vacinal completo e a meta é alcançar pelo menos 90% da população de São Paulo. A partir do dia 1º de novembro será permitido eventos com controle de público, mas que possam ter pessoas em pé e pista de dança. Lembrando que o distanciamento e o uso de máscaras seguirão obrigatórios", disse Patricia Ellen, secretária de desenvolvimento econômico do Governo.

A última vez que o Estado de São Paulo recebeu partidas com público foi no final de fevereiro de 2020, ainda antes do surto da covid-19 no país. A liberação planejada pelo Governo segue a previsão do avanço da vacinação no estado.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Ministérios publicam diretrizes para retorno às aulas presenciais

Educação
20:10 | Ago. 04, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Os ministérios da Saúde e da Educação assinaram portaria hoje (4) com orientações para o retorno às aulas presenciais, suspensas com a pandemia de covid-19. A norma não obriga os estados e instituições federais, que possuem autonomia para definir seus calendários e a manutenção ou não do regime de ensino remoto.

Entre as recomendações para evitar a disseminação do novo coronavírus está o uso de máscaras por estudantes e profissionais que atuam nas unidades de ensino e higienização das mãos com água e sabão ou com álcool em gel. No caso das máscaras, a indicação é que haja unidades suficientes para trocar a cada três horas (máscara de tecido) ou quatro horas (máscara cirúrgica).

Também é sugerido um distanciamento mínimo de 1 metro entre as pessoas. Áreas comuns devem ser evitadas, como bibliotecas, pátios e quadras. As refeições devem ser feitas nas salas, e não nos refeitórios.

Os horários de chegada e saída, bem como o intervalo, devem ser escalonados, para evitar concentração de alunos nos corredores e nos pontos de acesso a cada unidade escolar. Não é recomendável a autorização da entrada de pessoas externas à escola.

O documento orienta que os alunos não utilizem o bebedouro, preferindo levar água de casa. Também deve-se evitar o compartilhamento de materiais. O guia dos ministérios coloca a importância de evitar aglomerações, tanto nas escolas quanto após as aulas.

As gestões de cada unidade de ensino devem reforçar a higienização das escolas e de seus espaços. Professores e gestores devem buscar manter os ambientes ventilados, com portas e janelas abertas.

Se um estudante demonstrar sintomas de covid-19, deve procurar um posto de saúde. Os pais ou responsáveis devem avisar a escola nessas situações. A notificação também vale para o caso de o aluno ter contato com alguém que testou positivo para o novo coronavírus.

O guia de retorno às aulas do Ministério da Saúde coloca a importância de uma comunicação constante entre gestores, trabalhadores da educação, estudantes e familiares como forma de divulgar as ações de prevenção e facilitar a sua execução.

Ouça na Radioagência Nacional:


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Flamengo consegue liminar do STJD para ter público em partidas do Campeonato Brasileiro

Volta do público
20:08 | Ago. 04, 2021
Autor Gazeta Esportiva
Foto do autor
Gazeta Esportiva Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

A diretoria do Flamengo segue liderando o movimento pela volta de público aos estádios de futebol no Brasil. Com a liberação da Prefeitura do Rio de Janeiro para a presença de torcida no Maracanã, o clube quer poder vender ingressos para suas partidas do Campeonato Brasileiro.

Ao contrário da Confederação Sul-Americana, que liberou a presença de público desde que sejam respeitadas as regras locais, a CBF ainda não se posicionou. A entidade estuda a possibilidade para as quartas de final da Copa do Brasil, mas não há previsão sobre o Brasileirão.

Assim, a diretoria do Flamengo recorreu ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) com uma medida cautelar e teve uma resposta positiva. Na tarde desta quarta-feira, o presidente do STJD, Otávio Noronha, concedeu liminar ao clube por entender que as exigências das autoridades locais devem ser cumpridas.

"Com efeito, a atuação da entidade de administração do desporto em suas deliberações acerca de medidas relacionadas ao combate à Pandemia COVID-19, deve ser pautada e limitada à luz das regras basilares do Estado Democrático de Direito e de fundamentos Republicanos do nosso sistema jurídico-constitucional. Não cabe em princípio, à Entidade de Administração do Desporto, se imiscuir e negar vigência à execução do conjunto de medidas adotadas pelo Estado, para a retomada gradual das atividades - inclusive com reflexos na economia - por lhe faltar, além de competência, o adequado respaldo técnico e a legitimidade atribuída aos governantes democraticamente eleitos" - afirmou Noronha em sua decisão.

O clube baseou sua argumentação na liberação da Prefeitura. Atualmente estão permitidos 10% da capacidade do estádio, mas esse percentual aumentará para 50% em setembro e 100% em outubro.

A CBF, entretanto, entende que a liberação desigual em locais diferentes causará um desequilíbrio na competição e deve recorrer da decisão.

Autorizado pela Conmebol, o Rubro-Negro contou com cerca de 6 mil presentes no duelo contra o Defensa y Justicia, pelas oitavas da Libertadores, em julho. No próximo dia 18 de agosto, está marcado o jogo de volta das quartas de final da competição continental, em Brasília. No duelo entre Flamengo e Olimpia, o estádio Mané Garrincha poderá receber 30% da capacidade, ou cerca de 20 mil pessoas.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Fortaleza vence CRB novamente e avança às quartas da Copa do Brasil

Esportes
19:26 | Ago. 04, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Fortaleza está classificado às quartas de final da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira (4), o Leão do Pici derrotou o CRB por 1 a 0 no estádio Rei Pelé, em Maceió, na partida de volta do confronto pelas oitavas de final da competição. Os cearenses tinham a vantagem do empate, já que venceram o jogo de ida por 2 a 1, na Arena Castelão, em Fortaleza.

Classificado, Fortaleza aguarda sorteio das quartas da Copa do Brasil na próxima sexta-feira

Data marcada
19:00 | Ago. 04, 2021
Autor Afonso Ribeiro
Foto do autor
Afonso Ribeiro Autor
Ver perfil do autor
Tipo Noticia

Na próxima sexta-feira, 6, a partir das 15 horas, no Rio de Janeiro, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) realiza o sorteio dos confrontos das quartas de final da Copa do Brasil. Representante cearense classificado para esta fase do torneio, o Fortaleza conhecerá o próximo adversário e os mandos de campo dos duelos.

O Tricolor garantiu presença ao superar o CRB-AL por 1 a 0 nesta quarta-feira, 4, no estádio Rei Pelé, em Maceió - no jogo de ida, na Arena Castelão, já havia vencido por 2 a 1. O Leão igualou a campanha de 2001 e volta a disputar as quartas de final do mata-mata nacional após 20 anos.

Além da equipe do Pici, outros dois times já estão classificados: o Fluminense-RJ e o Grêmio-RS. O Tricolor das Laranjeiras despachou o Criciúma-SC, enquanto o time gaúcho passou pelo Vitória-BA.


Outros cinco confrontos ainda ocorrem nesta quarta, 4, e na quinta-feira, 5, para definir as próximas vagas: Atlético-GO x Athletico-PR, Juazeirense-BA x Santos-SP, Vasco da Gama-RJ x São Paulo, Bahia x Atlético-MG e ABC-RN x Flamengo-RJ.

Times classificados:

  • Fortaleza
  • Fluminense-RJ
  • Grêmio-RS

Outros jogos das oitavas de final:

  • Atlético-GO x Athletico-PR
  • Vasco da Gama-RJ x São Paulo
  • Bahia x Atlético-MG
  • ABC-RN x Flamengo-RJ
  • Juazeirense-BA x Santos-SP
Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Com oito da LNF, seleção masculina de futsal é convocada para Mundial

Esportes
18:58 | Ago. 04, 2021
Autor Agência Brasil
Foto do autor
Agência Brasil Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O técnico Marquinhos Xavier anunciou nesta quarta-feira (4) a convocação da seleção brasileira masculina de futsal para o Campeonato Mundial da modalidade, que acontece entre 12 de setembro e 3 de outubro na Lituânia. Dos 16 jogadores chamados pelo treinador, oito atuam na Liga Nacional de Futsal (LNF), que é transmitida ao vivo pela TV Brasil aos domingos, sempre às 11h (horário de Brasília).

Atual campeão nacional, o Magnus Sorocaba-SP teve quatro convocados e é o time com mais representantes na lista: o goleiro Djony, o fixo Rodrigo e os alas Leozinho e Leandro Lino. O Joinville-SC possui dois integrantes na seleção: o goleiro Willian e o pivô Dieguinho. Do Corinthians-SP, vice da LNF em 2020, foi chamado o ala Lê. Maior vencedor da Liga, o Carlos Barbosa-RS marca presença com o pivô Rocha, que estava no Sporting (Portugal) e foi contratado recentemente.

Os demais convocados jogam na Europa. Cinco vêm da liga espanhola, sendo três do Barcelona: o ala Dyego e os fixos Ferrão e Pito. Além deles, o fixo Marlon (Palma) e o ala Gadeia (Elpozo) atuam na Espanha. O goleiro Guitta (Sporting) e o ala Arthur (Benfica) estão no Campeonato Português. Já o ala Bruno defende o Ukhta (Rússia).

O Brasil é o maior campeão mundial de futsal, com cinco títulos. O último foi conquistado em 2012, na Tailândia, com vitória na prorrogação sobre a Espanha na decisão. Guitta e Rodrigo fizeram parte daquele elenco, e também do que disputou a edição seguinte, quatro anos depois, quando o time canarinho foi surpreendido nos pênaltis pelo Irã nas oitavas de final. Além deles, Dyego e Dieguinho também integraram o escrete de 2016.

“Temos que ser humildes, sabemos que os países evoluem. Por outro lado, temos uma hegemonia a defender, que é a história do nosso futsal. Temos uma equipe extremamente capacitada para buscar esse título. Estamos indo com esse desejo de trazer esse título para o Brasil, mas sempre respeitando o crescimento dos outros países. Temos fortes concorrentes. A nossa missão é nos concentrar naquilo que temos que fazer, na nossa capacidade de desenvolver um grande futsal e trazer, mais uma vez, essa importante conquista”, disse Xavier em entrevista coletiva nesta quarta.

A seleção brasileira foi sorteada no Grupo D do Mundial, junto de República Tcheca, Panamá e Vietnã. Atual campeã, a Argentina está no Grupo F, com Estados Unidos, Sérvia e Irã.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags