PUBLICIDADE
Futebol
NOTÍCIA

Após derrota, Marcelo Veiga deixa o comando técnico do Ferroviário

Treinador deixou o clube após a derrota de 2 a 1 para o Atlético-CE, nesta quarta-feira, pela Taça Fares Lopes.

Bruno Balacó
10:07 | 19/09/2019
Veiga ficou menos de dois meses no comando da equipe.
Veiga ficou menos de dois meses no comando da equipe. (Foto: Reprodução/Ferroviário AC)

Marcelo Veiga não é mais treinador do Ferroviário. O desligamento ocorreu horas depois da derrota do time coral por 2 a 1 para o Atlético-CE, no estádio Elzir Cabral, pela pela Taça Fares Lopes. Em nota no site oficial do clube, a diretoria explicou que "os resultados e a baixa produção da equipe nos jogos, infelizmente, foram determinantes para a decisão, em comum acordo".

Em sua segunda passagem no comando do Ferrão, Veiga ficou menos de dois meses no cargo. Ele assumiu a equipe no returno da primeira fase da Série C do Brasileiro, quando o Ferroviário estava em queda no torneio, após liderar o grupo A durante a metade da fase classificatória. No torneio nacional, o time não conseguiu reagir e se despediu do torneio, deixando escapar a vaga nas quartas de final. Mantido para Fares Lopes, Marcelo Veiga começou bem, vencendo o Fortaleza na estreia, mas o time seguiu oscilando na competição. Em cinco jogos, o time teve um início instável e, após cinco jogos dispuatdos, é apenas o 5º colocado, com a campanha de duas derrotas, um empate e duas vitórias.

A diretoria do Ferroviário já trabalha em busca de um substituto, dentro de um perfil traçado, para que dê sequência na competição, onde o Ferroviário busca o bicampeonato da Taça Fares Lopes.

Quem comanda o time no treino de reapresentação nesta quinta-feira, 19, é o preparador físico Bruno Araújo. Ele recepciona o grupo no período da tarde, na Vila Olímpica Elzir Cabral. O Ferroviário volta a campo no próximo sábado, quando enfrenta o Guarany de Sobral, as 16h, no estádio do Junco, na cidade de Sobral.

Você também pode gostar: