Participamos do

Signo: tudo sobre horóscopo e os 12 signos do zodíaco

Os 12 signos do zodíaco surgiram da mistura de lendas babilônicas, egípcias, gregas e romanas; conheça a origem das nomenclaturas, sua relação com a mitologia grega e tudo sobre horóscopo e cada signo
20:44 | Nov. 01, 2021
Autor Kauanna Castelo
Foto do autor
Kauanna Castelo Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

Desde a antiguidade, o universo e os elementos que o compõem eram motivo de curiosidade entre os seres humanos. Com objetivos práticos, o estudo dos astros surgiu com o homem pré-histórico, que utilizou o céu para medir a passagem do tempo, para planejar a melhor época para o plantio e a colheita, e até mesmo para locomoção e localização durante as noites no deserto.

Esse meio também foi utilizado para fazer previsões do futuro, já que, na época, não havia conhecimentos científicos, e acreditava-se que deuses situados no céu tinham o total controle e poder sobre acontecimentos terrestres. Foi a partir dessa crença que os estudos voltados aos corpos celestes, a astrologia, surgiu com o objetivo de desvendar a influência dos astros em assuntos relacionados à vida humana.

Horóscopo: como surgiu cada signo do zodíaco

O primeiro registro do zodíaco, como conhecemos hoje, surgiu por volta do século 5 a.C, por meio de uma mistura de influências da astrologia milenar dos babilônios, da filosofia grega e do conhecimento matemático dos egípcios. Essa palavra tem origem grega e significa“círculo de animais”, e indicavao grande cinturão celeste que marcava o trajeto do Sol naquela época - cada uma das 12 constelações por onde o astro passava representava um signo.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Pouco tempo depois, a partir da influência de imagens da mitologia de babilônios, egípcios, gregos e romanos,surgiu a ideia de horóscopo individual e dos mapas astrais. Segundo os astrólogos, dessa forma seria possível fazer uma análise do céu, através da data e a hora exata que uma pessoa nasceu, sendo, supostamente, possível traçar a personalidade e ter revelações sobre o futuro do indivíduo.

Além disso, no início da Era Cristã, foram traçado o perfil de cada signo, levando em consideração características relacionadas a cada estação do ano. Para chegar ao resultado que temos hoje, foram observados o temperamento em comum de pessoas nascidas no mesmo período, modificando os aspectos de acordo com as descobertas. 

Com o passar dos séculos, a trajetória do Sol sofreu alterações devido a um fenômeno chamado precessão. Sendo assim, o astro começou a passar por constelações que não fazem parte do zodíaco e iluminar outras em períodos diferentes dos observados antigamente. A partir disso, a tal correspondência direta entre astrologia e astronomia acabou se tornando um tanto imprecisa. Hoje existem constelações na rota do Sol que sequer fazem parte do horóscopo.

Horóscopo: nomenclatura do signo e a relação com a mitologia grega

Signo de Áries

Conta-se na mitologia grega que Frixo, filho do rei Atamas, ia ser assassinado por sua madrasta, Ino, quando no momento da ação ele foi salvo por um carneiro com lã de ouro, enviado por sua mãe, Nefele. Posteriormente, o animal foi sacrificado e teve sua lã enterrada no pomar de Ares, o Deus da Guerra, que inspirou o nome do signo.

Signo de Touro

A imagem do touro surgiu de um mito grego, em que Zeus, o mais poderoso dos deuses, assume a forma animal para atrair uma princesa que ele desejava. Por isso, o bovino foi escolhido para nomear o signo. 

Signo de Gêmeos

Segundo a lenda grega, os irmãos Castor e Pólux, filhos de Zeus, apaixonaram-se por duas garotas que já eram comprometidas. Então, para conquistá-las, decidiram lutar na Guerra de Troia. Durante o combate, Castor morreu e Pólux, triste pela perda, pediu a Zeus que o matasse também. Comovido com a história dos filhos, o pai decidiu eternizá-los na constelação de Gêmeos.

Signo de Câncer

Em uma das 12 batalhas que Hércules participou, Hera, esposa de Zeus, enviou um caranguejo para matá-lo, porém, o crustáceo foi morto pelo herói. Para homenagear a coragem do bicho seu nome foi eternizado em uma constelação. Em latim, a palavra câncer significa caranguejo. 

Signo de Leão

Outra lenda envolvendo Hércules conta a história desse signo. Em uma batalha, o herói lutou com o animal e o matou. Após o feito, ele fez um manto com sua pele. Em homenagem à vitória, Zeus desenhou com estrelas a forma do felino no céu. 

Signo de Virgem

A constelação de virgem na mitologia grega é associada à Deusa da Justiça, Virgo. Devido às guerras travadas entre os homens, ela veio a adoecer. Ao voltar ao céu, foi homenageada por Minerva, Deusa da Sabedoria, que desenhou com as estrelas uma figura em sua memória. 

Signo de Libra

Pelas lendas, o signo representa a balança usada por Virgo para pesar a alma dos homens, em sua passagem deste mundo para o submundo ou céu.

Signo de Escorpião

De acordo com a mitologia, a constelação de Escorpião surgiu após Apoi, deus grego da profecia, ficar com ciúmes da amizade entre sua irmã Ártemis com o gigante Ório. Para por um fim na aproximação de ambos, Apoi envia um escorpião para picar e causar a morte do gigante. Zeus, em memória de Órion, colocou a imagem do animal no céu.

Signo de Sagitário

Conta-se na mitologia grega que Chiron era o mais sábio dos centauros, mas que acabou sendo morto acidentalmente após ser atingido por uma flecha de Hércules. Devido a sua sabedoria, Zeus deu-lhe uma constelação.

Signo de Capricórnio

O animal que representa o signo é uma cabra com rabo de peixe. Esse simbolo representa Pan, deus da Natureza, que, ao tentar fugir de Tifon, acabou morrendo afogada por não conseguir se transformar completamente em peixe ao pular na água.

Signo de Aquário

No Oriente Médio, o mês de aquário correspondia ao período de chuvas intensas. E assim surgiu o símbolo, que é um homem virando seu jarro de água.

Signo de Peixes

Segundo a lenda, assim como o deus Pan, Afrodite e seu filho Eros se transformam em peixe para fugir do titã Tifon, que detestava água. Então, Atenas, Deusa da Sabedoria, criou a constelação em homenagem ao sucesso da fuga.

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags