Participamos do

300 mil doses de CoronaVac compradas do Butantan chegam ao Ceará nesta quinta

Imunizante será usado para aplicação da primeira e segunda dose, segundo o governador Camilo Santana
07:00 | Set. 23, 2021
Autor Redação O POVO
Foto do autor
Redação O POVO Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

O Ceará recebeu na madrugada desta quinta-feira, 23, 300 mil doses da CoronaVac que foram compradas diretamente do Instituto Butantan, em São Paulo. O voo desembarcou no Aeroporto Internacional de Fortaleza às 2h30min.

"As vacinas serão utilizadas para aplicação de D1 e D2 e serão fundamentais para completarmos a imunização da população adulta do nosso estado. Juntos estamos superando essa pandemia!", publicou o governador Camilo Santana nas redes sociais sobre a chegada da vacina.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Compra direta

 

As doses fazem parte de uma aquisição direta que não envolveu o Ministério da Saúde e foi feita em conjunto com outros quatro estados. Além do Ceará, Espírito Santo (500 mil doses), Piauí (100 mil doses), Pará (1 milhão de doses) e Mato Grosso (600 mil doses) também devem receber imunizantes por compra direta.

Segundo o governo cearense, as doses adquiridas garantem capacidade para vacinação de toda a população adulta do Estado.

O Instituto Butantan tinha acordo de exclusividade com o o Ministério da Saúde para a entrega de 100 milhões de doses, previstas em dois contratos. Após o término do contrato com o governo federal, o Butantan ficou apto a fazer entrega de vacinas para estados e municípios que queiram adquirir o imunizante para completar o seu programa de imunização.

Tenha acesso a reportagens especiais. Assine O POVO+ clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags