Participamos do

Covid-19: Ceará mantém baixa ocupação de UTIs adulto, mas atinge nível preocupante nas internações pediátricas

Ocupação da UTIs destinadas a crianças com Covid-19 atinge maior patamar deste ano no Ceará
22:56 | Set. 22, 2021
Autor Luciano Cesário
Foto do autor
Luciano Cesário Autor
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

A taxa de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) destinadas ao tratamento de pessoas adultas com Covid-19 no Ceará chegou a 35,81% nesta quarta-feira, 22, conforme dados da plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), atualizados às 19h03min. Em relação aos números do dia anterior (33,61%), 21, houve uma leve oscilação para cima, mas dentro da margem de variação registrada nos últimos dias. A média geral de ocupação está abaixo de 50% desde 19 de julho. O monitoramento considera as internações nos hospitais públicos e particulares da Capital e do Interior do Estado.

Na contramão da queda por internações em UTIs adulto, as UTIs pediátricas apresentam números preocupantes. Segundo a plataforma, o índice de ocupação atual das unidades destinadas ao tratamento de crianças é de 81,25%, o maior já registrado neste ano. Dos 48 leitos de UTI infantil ativos em hospitais espalhados por todo o Ceará, 39 estão ocupados. Em Sobral, no Hospital Regional Norte (HRN), a ala pediátrica atingiu o limite de lotação nesta quarta-feira, 22, com todos os dez leitos ativos ocupados.

Nos leitos de enfermaria pediátrica (47,87%), a ocupação também é maior em relação às vagas destinadas para maiores de 18 anos (18,02%). Por outro lado, nas enfermarias voltadas para gestantes, recém-nascidos e na UTI neonatal, a taxa permanece zerada há mais de 24 horas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

No recorte por Regiões de Saúde, o Norte tem o maior índice de ocupação atualmente (43,59%), seguido da Região Metropolitana de Fortaleza (39,99%), Sertão Central (35%), Litoral Leste/Jaguaribe (30%) e Cariri (25%).

Acesse a cobertura completa do Coronavírus >

Até a última atualização do IntegraSUS, o Ceará tinha nove pessoas na fila de espera por leitos de tratamento da Covid-19. Dessas, oito aguardavam para serem transferidas a enfermarias e uma para UTI. 

 

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags