PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Fortaleza agenda primeira dose para os nascidos até 1989 nesta quinta-feira, 15 de julho (15/7)

A Capital está imunizando pessoas do público geral em ordem decrescente de idade. A expectativa do Governo do Estado é finalizar o processo de vacinação da população adulta com a primeira dose até o fim de agosto

22:49 | 14/07/2021
398 pessoas nascidas em 1990 estão previstas para serem vacinadas nesta quarta-feira, 14 de julho (14/7) (Foto: Fernanda Barros)
398 pessoas nascidas em 1990 estão previstas para serem vacinadas nesta quarta-feira, 14 de julho (14/7) (Foto: Fernanda Barros)

A Prefeitura de Fortaleza divulgou uma lista de vacinação contra Covid-19 para aplicação nesta quinta-feira, 15 de julho (15/7). A listagem contempla apenas os nascidos até 1989, embora o público nascido até maio de 1990 já tenha começado a ser vacinado na Capital. O Município segue imunizando a população em geral, de 18 a 59 anos, em ordem decrescente. 

>>> Confira a lista da população em geral (D1) agendada para quinta (14/07) clicando aqui

Na última quinta-feira, 8, o 44º lote de vacinas contra a Covid-19 chegou ao Estado. Atualmente, de acordo com a ferramenta Vacinômetro, já foram aplicadas cerca de 5.481.918 doses de imunizantes. Ao todo, 1.210.235 pessoas receberam a D2, outras 127.172 receberam a dose única da vacina Janssen e também completaram o esquema vacinal.

LEIA MAIS | Vacinação Covid-19: como me cadastrar e conferir se estou cadastrado e agendado?

A campanha contra a doença em Fortaleza conta com 113 pontos de vacinação. São 100 postos de saúde, três policlínicas, seis centros de vacinação (shoppings RioMar Fortaleza e Riomar Kennedy, North Shopping Jóquei, Centro de Eventos, Sesi Parangaba e Arena Castelão), além dos quatro Cucas (Barra do Ceará, Jangurussu, Mondubim e José Walter).

A população a partir de 12 anos pode ser vacinada com pelo menos a primeira dose até agosto deste ano. Segundo o secretário da Saúde, Dr. Cabeto, o Governo do Ceará pretende ainda aplicar a segunda dose em todos os professores do Estado até o fim do mês de agosto, tendo em vista a previsão de retomada do ensino presencial para o próximo mês. Conforme Magda Almeida, secretária Executiva de Vigilância e Regulação da Sesa, o Ceará pode ser, ainda, um dos primeiros estados do Brasil a vacinar toda a população adulta.