PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Covid: Brasil tem média de mortes acima de 2 mil pelo 3º dia seguido

O número foi de 2.061. Essa taxa calcula os números de mortes do dia em questão e dos seis dias anteriores. A média móvel de casos também enfrenta escalada durante junho. Dados são do Conselho Nacional de Secretários da Saúde (Conass)

20:36 | 20/06/2021
A média está acima de 1.900 há nove dias, desde 11 de junho (Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Governo de SC)
A média está acima de 1.900 há nove dias, desde 11 de junho (Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Governo de SC)

Brasil alcançou neste domingo, 20, seu terceiro dia seguido com média móvel de óbitos por Covid-19 acima de 2 mil. O número foi de 2.061. Essa taxa calcula os números de mortes do dia em questão e dos seis dias anteriores. Dado foi divulgado às 18 horas pelo Conselho Nacional de Secretários da Saúde (Conass). A média está acima de 1.900 há nove dias, desde 11 de junho.

A média móvel de casos também enfrenta escalada durante junho. Hoje, foi registrada em 73.595. No começo do mês, eram 61.467. Ao todo, o País acumula 17.927.928 diagnósticos positivos da Covid-19 e 501.825 pessoas vitimizadas pela patologia. Destes, respectivamente 44.178 e 1.025 entraram no sistema das secretarias da saúde nas últimas 24 horas.

Com 3.582.792 casos e 122.160 mortes, São Paulo lidera os índices da pandemia no Brasil. A região Sudeste, inclusive, acumula o maior número de casos e óbitos. O Rio de Janeiro tem a maior taxa de letalidade do território brasileiro: 5,8%. Isso significa dizer que 5,8% das pessoas que contraíram o coronavírus na região carioca morreram por complicações da Covid-19.

O Ceará soma 866.542 casos e 22.080 mortes pela doença, conforme a plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), atualizada às 16h42min deste domingo. O Estado é o segundo do Nordeste em maior quantidade de casos e mortes acumulados, ainda conforme os dados do Conass.