PUBLICIDADE
Coronavírus
Noticia

Covid-19: Ceará apresenta redução de casos e mortes na Capital e no Interior

O dado foi apontado em boletim que avalia o cenário da pandemia no Estado, feito pela Secretária de Saúde (Sesa) e divulgado nesta sexta-feira, 14

Gabriela Almeida
16:55 | 14/05/2021
Na Capital, a redução do número de casos e mortes é de 17,1% e de 27,8%, respectivamente (Foto: Fabio Lima)
Na Capital, a redução do número de casos e mortes é de 17,1% e de 27,8%, respectivamente (Foto: Fabio Lima)

O número de casos de Covid-19 e de óbitos em decorrência da doença apresentou uma redução em Fortaleza e no interior do Ceará quando analisado o comparativo entre as semanas epidemiológicas 14/15 (04/04/21 a 17/04/21) e 16/17 (18/04/21 a 01/05/21). O dado foi apontado pela Secretária de Saúde (Sesa), em boletim que avalia o cenário da pandemia no Estado, divulgado nesta sexta-feira, 14. 

Na Capital, a redução do número de casos e mortes durante o período analisado foi de 17,1% e de 27,8%, respectivamente. Já no Interior do Estado, apesar de cada região apresentar um cenário e particularidades diferentes, houve queda de 10,8% dos diagnósticos e de 3,6% do quantitativo de óbitos.

Das 22 Áreas Descentralizadas de Saúde (ADS) do Estado, 17 apresentaram redução do número de casos da doença entre o intervalo de tempo analisado. As únicas que registraram aumento desse índice foram as de Quixadá (21,0%), Limoeiro do Norte (12,2%), Crateús (27,5%), Icó (28,0%) e Iguatu (16,4%).

LEIA MAIS | Ceará tem 90% dos leitos de UTI ocupados e 385 pacientes na espera por internação

Ceará recebe mais 41.600 doses da Coronavac

Pacientes com HIV relatam dificuldades em conseguir consultas no Hospital São José

Em relação ao número de mortes provocadas pela patologia, a redução foi observada em 14 das áreas de saúde do Estado. Só registraram um disparo de óbitos no período avaliado, conforme o boletim epidemiológico, as ADS de Canindé (58,3%), Aracati (25,0%), Quixadá (73,1%), Limoeiro do Norte (82,6%), Tauá (33,3%), Camocim (7,1%), Icó (187,5%) e Juazeiro do Norte (11,4%).

Apesar da queda nos índices, o Estado ainda registra uma taxa alta de ocupação nas unidades de saúde. Segundo a plataforma IntegraSUS, da Sesa, até essa quinta-feira, 13, foi observado 90,41% de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 211 pessoas aguardando na fila por internação em equipamentos desse porte, voltados para o atendimento de casos mais graves.

Grande parte dos municípios cearenses, como Fortaleza, já estão na terceira fase da campanha de vacinação contra a Covid-19, definida pelo Plano Nacional de Imunização (PNI). No inicio da tarde de hoje, mais uma remessa de vacinas chegou na Capital e deve ser distribuída para possibilitar a continuidade da imunização em todas as cidades da Unidade Federativa.