PUBLICIDADE
Coronavírus
NOTÍCIA

Ceará recebe 18º lote de vacinas contra a Covid-19 com primeira remessa do imunizante da Pfizer

O novo carregamento contém, ao todo, 273.300 doses de imunizantes

Gabriela Almeida
17:14 | 03/05/2021
Carregamento chegou nesta segunda ao Estado (Foto: Thiara Montefusco/Governo do Ceará)
Carregamento chegou nesta segunda ao Estado (Foto: Thiara Montefusco/Governo do Ceará)

O Ceará recebeu, na tarde desta segunda-feira, 3, o 18° lote de vacinas contra a Covid-19, de acordo com informações divulgadas pelo governador Camilo Santana (PT) em suas redes sociais. O novo carregamento contém, ao todo, 273.300 doses de imunizantes, sendo 255.750 da AstraZeneca e 17.550 da Pfizer, cuja remessa é mandada pela primeira vez ao Estado.

"Temos lutado muito para que os cearenses sejam vacinados o quanto antes. Hoje mesmo a Justiça Federal acatou ação do Governo do Estado para que o Ceará receba, de forma imediata, 49 mil doses extras da vacina CoronaVac. Não vou descansar um minuto até que toda nossa população seja imunizada", destacou o governador em publicação realizada hoje.

A ação citada pelo petista foi tomada após a demora na entrega de doses da CoronoVac pelo Governo Federal, mediante o Plano Nacional de Imunização (PNI), que fez com que vários cearenses ficassem com a segunda dose (D2) da imunização em atraso. Em Fortaleza, por exemplo, a aplicação foi interrompida por três dias e retomou na manhã de hoje, sendo executada a partir de critérios específicos. 

Em decisão favorável ao Governo, o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5) determinou que a União envie 49 mil doses do imunizante fabricado pelo Instituto Butantan ao Ceará, quantidade necessária para que a aplicação da D2 ocorra. A multa estipulada é de R$ 100 mil para cada dia de atraso.

Veja chegada dos imunizantes:

Clique na imagem para abrir a galeria