Participamos do

Vacina contra Covid-19: Ceará chegará a 1 milhão de doses aplicadas nesta quarta

Vacinômetro da Sesa mostra que índice pode ser alcançado hoje. O Ceará receberá o 12º lote de vacinas nesta manhã
09:03 | Mar. 31, 2021
Autor Marília Freitas
Foto do autor
Marília Freitas Estagiária do O POVO Online
Ver perfil do autor
Tipo Notícia

 

O Ceará provavelmente baterá o recorde de 1 milhão de doses de vacinas contra a Covid-19 aplicadas em todo o Estado ainda hoje. Na manhã desta quarta, 31, o governador Camilo Santana (PT) comemorou o marco.


O petista reforçou que "não tem medido esforços para dar ainda mais rapidez ao processo de imunização em todo o Estado". A distribuição das doses envolveu helicópteros, aviões e outros apoios terrestres que possibilitaram a imunização.

Camilo agradeceu aos profissionais da saúde e comemorou a posição do Estado em ser o segundo do País que mais aplicou dentre as vacinas recebidas. "Tenho lutado para a aquisição de mais vacinas para o Ceará, tanto vindas do Governo Federal, quanto pela compra direta, como a que fizemos de 5,87 milhões de doses da Sputinik V. Não vou descansar até que todos os cearenses estejam vacinados", disse. Entrega dos imunizantes russos deve ocorrer em quatro lotes: abril, maio, junho e julho. A quantidade por remessa não foi divulgada.

Última atualização do vacinômetro da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) às 12h de ontem, 30, mostra um total de 999.671 doses aplicadas em todo o Ceará. 780.685 pessoas receberam a D1 das vacinas Coronavac ou Astrazeneca - o que corresponde a 79,71% das doses aplicadas das distribuídas. Outras 218.986 receberam a D2 da vacina, um total de 67,31% de doses aplicadas das distribuídas.

Ceará recebe novo lote de vacinas nesta quarta-feira

 

O Ceará receberá o 12º lote de vacinas até hoje, 31. O anúncio foi feito em transmissão ao vivo na última segunda-feira, 29, mas não foi informado o número de doses que serão recebidas e o laboratório responsável pelos imunizantes. Até agora, o Estado recebeu 1,3 milhão de vacinas.


Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags